Roger minimiza favoritismo do Corinthians após a vitória

"Eles não estão muito acima dos outros. Acho que o futebol está muito equilibrado", disse o meia do Cruzeiro

O armador Roger disparou contra o favoritismo que o time do Corinthians tinha para a partida contra o Cruzeiro. O jogador, que começou a partida entre os titulares, destacou a força da equipe paulista, mas fez questão de afirmar que o Timão não é imbatível.

"O Corinthians é uma equipe forte, mas não tem nada de mais. Eles não estão muito acima dos outros. Acho que o futebol está muito equilibrado", disse Roger.

O meia também comentou sobre o esquema tático armado pelo treinador cruzeirense, e afirmou que a estratégia utilizada, apesar de diferente do que a Raposa faz normalmente, acabou dando resultado.



"Hoje foi uma proposta de jogo totalmente diferente daquilo que a gente está acostumado a fazer, até porque era um jogo diferente também. O Corinthians vinha ganhando de todo mundo, então a gente tinha que frear esse ímpeto corintiano. A gente se armou, esperou o Corinthians atacar e, quando dava para contra-atacar, a gente contra-atacava", frisou.

Autor do gol que deu a vitória ao Cruzeiro contra o Corinthians, o atacante Wallyson afirmou que o lance que gerou o gol não foi fruto de sorte, e sim uma batida de longa distância com consciência.

"Foi um tiro de meta. Dominei a bola, me virei e estava só. Olhei o Renan um pouco adiantado, peguei um chute forte e foi um belo gol. Consegui ajudar o Cruzeiro a sair com os três pontos. Com certeza, muita gente vai falar que foi sem querer, mas não. Se você ver o replay, vai ver que bati com consciência na bola", explicou o atacante.

Fonte: IG