Ronaldinho Gaúcho diz viver "um dos piores anos" da carreira

O jogador afirma que espera retribuir o carinho com o título do Campeonato Brasileiro

Emocionado com o apoio da torcida do Atlético-MG na vitória sobre o Sport, por 2 a 1, de virada, nesse domingo, o atacante Ronaldinho Gaúcho revelou passar por um dos piores anos da sua carreira, mas disse que tem superado as adversidades com a ajuda dos torcedores. O jogador afirma que espera retribuir o carinho com o título do Campeonato Brasileiro

?Aqui é sempre uma festa. Em um dos anos mais difíceis da minha carreira, a torcida sempre me ajuda. Não tenho nem palavras para descrever o que é jogar aqui. Estou muito feliz por estar aqui e espero no final do ano retribuir essa alegria?, disse emocionado, ao final da dramática partida.

Assim como os demais jogadores, Ronaldinho Gaúcho se mostrou emocionado com a virada sobre o Sport e bateu palmas para torcida ao final da partida. O jogador passa por um ano turbulento no futebol e na vida pessoal, mas encontrou um pouco de tranquilidade em Belo Horizonte.

Com baixo desempenho no Flamengo e sem uma boa relação com a diretoria, Ronaldinho rescindiu contrato com o clube rubro-negro por meio de liminar e, no começo de junho, acertou com o Atlético até o final da temporada. O fato causou a revolta dos torcedores cariocas.

Ronaldinho se mostrou magoado com a situação, ainda mais depois que torcedores fizeram faixa insultado a mãe do jogador, dona Miguelina, que faz tratamento de câncer em Porto Alegre. A situação familiar fez o jogador ganhar o apoio da torcida atleticana.

Em uma delas, no empate sem gols com o Grêmio, a torcida atleticana levou uma faixa com a foto de Ronaldinho beijando sua mãe e com os dizeres ?Fé em Deus?. Na goleada por 6 a 0 sobre o Figueirense, R49 foi às lágrimas, mostrando estar emocionado com o falecimento do padrasto, Vanderlei, às vésperas da partida.

O jogador espera que o apoio do torcedor continue e afirma que o Atlético precisa apenas pensar em seus resultados. ?Depois de um jogo como esse, não dá para não acreditar em título?, observou Ronaldinho Gaúcho.


Ronaldinho Gaúcho diz viver

Fonte: UOL