Ronaldinho não enfrentará o Bahia e presidente do Atlético-MG culpa federação

Ronaldinho não enfrentará o Bahia e presidente do Atlético-MG culpa federação

Ronaldinho segue concentrado com os demais jogadores atleticanos na Cidade do Galo

Foi adiada a estreia do meia-atacante Ronaldinho Gaúcho com a camisa do Galo. O jogador chegou a ser relacionado pelo técnico Cuca para a partida contra o Bahia, nesta quarta-feira, no Independência, pela terceira rodada do Brasileirão. O nome de Ronaldinho não apareceu no BID (Boletim Interno Diário) da CBF e, com isso, o meia ainda não tem condições de jogo.

O presidente do Galo, Alexandre Kalil, culpou a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro por não liberar a documentação do jogador.

- Essas federações do Rio e São Paulo são sempre mancomunadas. Mas não é um balde de água fria não, ele (Ronaldinho) sabia que ele não ia jogar - declarou.

Mesmo assim, Ronaldinho segue concentrado com os demais jogadores atleticanos na Cidade do Galo, local de treinamentos do clube. A expectativa é que ele vá ao Independência nesta quarta-feira, porém, apenas para acompanhar do camarote a performance dos colegas. A primeira partida de Ronaldinho pelo Atlético-MG deverá ser no próximo sábado, contra o Palmeiras, jogo no estádio Pacaembu.

Enquanto isso, o Flamengo busca todas as provas para tentar cassar a liminar concedida pela 9ª Vara do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro que o liberou do vínculo com o clube e o permitiu assinar contrato com o Galo. Os advogados do jogador pedem na Justiça o valor de R$ 40.177.714,00 do Rubro-Negro.

Fonte: Globo Esporte