Ronaldinho tenta esconder espera por convocação de Mano

Ronaldinho tenta esconder espera por convocação de Mano

Treinador da seleção brasileira chamará elenco para amistoso contra Escócia

Ao optar por retornar ao futebol brasileiro, Ronaldinho Gaúcho sempre deixou claro que queria se aproximar da seleção. O gol do título da Taça Guanabara pelo Flamengo reforçou esse desejo. Nesta quinta-feira (3), o técnico Mano Menezes irá convocar a equipe para o amistoso diante da Escócia, dia 27 de março, e o astro rubro-negro não esconde a ansiedade.

Até porque foi observado de perto pelo comandante da seleção brasileira, que recentemente assistiu ao empate por 1 a 1 entre Flamengo e Botafogo, pelas semifinais do primeiro turno do Estadual do Rio.

No entanto, o meia evita a todo custo pressionar o treinador e, desta forma, ficar ainda mais longe de um chamado. Por conta disso, Ronaldinho Gaúcho foi diplomático ao comentar o assunto, mas não conseguiu deixar de manifestar sua vontade.

- O meu objetivo é voltar à seleção o quanto antes. Vou continuar trabalhando forte para que não só eu como os demais companheiros aqui tenham essa oportunidade. Meu pensamento é fazer o melhor sempre

No domingo (27), após o triunfo por 1 a 0 diante do Boavista, o técnico do Flamengo, Vanderlei Luxemburgo, afirmou que Ronaldinho ainda tem condições de ser referência na seleção brasileira.

Para isso, bastaram apenas seis jogos do meia-atacante pelo Rubro-Negro e três gols marcados, sendo um de falta, um cobrando pênalti e outro de cabeça. Ao site oficial do clube, Ronaldinho Gaúcho dividiu o bom momento com os companheiros.

- Minha adaptação foi rápida. Os colegas mostrando a vontade de trabalhar ao meu lado, isso tudo ajudou também. Nos outros clubes que atuei, eram jogadores consagrados mundialmente. E aqui são atletas que buscam esse reconhecimento. Isso motiva muito.

Por Mano Menezes, Ronaldinho Gaúcho foi chamado apenas uma vez, sendo titular na derrota por 1 a 0 para a Argentina, em novembro do ano passado. Em 2011, o treinador fará apenas sua segunda convocação. Em fevereiro, o time perdeu pelo mesmo placar para a França.

Fonte: R7, www.r7.com