Ronaldo ganha "liberdade" após o título

Ronaldo veio a público para protestar contra os longos períodos de concentração

Mano Menezes prometeu que o Corinthians se concentraria menos caso conquistasse o tricampeonato da Copa do Brasil e cumpriu. Não porque o pedido partiu do atacante Ronaldo, segundo o técnico, mas em função da ausência de compromissos decisivos no início do Campeonato Brasileiro.

"Não é uma questão de repensar as coisas porque o Ronaldo falou isso ou aquilo. Em uma reta final de Copa do Brasil, a concentração era necessária. Agora não é mais", simplificou Mano Menezes.

Às vésperas da decisão contra o Internacional, Ronaldo veio a público para protestar contra os longos períodos de concentração do Corinthians. Disse que gostaria de ficar mais tempo com a sua família, e não mais com os companheiros de clube antes dos jogos.

Mano reagiu à reclamação de Ronaldo de maneira bem-humorada, para não conturbar o ambiente do Corinthians antes da final. "A Copa do Brasil já passou e, para quem gosta disso, teremos a oportunidade de ficar mais em casa", enfatizou o treinador. Ronaldo não tem fama de ser muito "caseiro".

Apesar de diminuir a reclusão de seu elenco, Mano Menezes avisou que poderá mudar de ideia a qualquer momento. "Sempre vou procurar fazer o que achar certo para o meu time", bradou o treinador campeão da Copa do Brasil.

Fonte: Terra, www.terra.com.br