Ronaldo mira oito jogos na reta final para alcançar melhor sequência na temporada

A chance de melhorar esse ritmo vem agora, na reta final do Brasileiro.

Ronaldo foi decisivo para o Corinthians nesta temporada. Primordial na conquista do Paulistão, o atacante brilhou no título da Copa do Brasil e se destacou também no melhor momento da equipe no Campeonato Brasileiro. Só que o camisa 9 não conseguiu uma sequência regular de jogos. O máximo que ele atingiu foram sete.

A chance de melhorar esse ritmo vem agora, na reta final do Brasileiro. Recuperado de uma tendinite no joelho direito e trabalhando forte para entrar em forma, o Fenômeno tem a intenção de estar presente nos últimos oito jogos do Timão na temporada: Cruzeiro, Vitória, Palmeiras, Santo André, Avaí, Náutico, Flamengo e Atlético-MG.

Embora esteja empolgado com a chance de participar de 100% dos duelos até o final do ano, Ronaldo já não acredita mais que possa atingir a sua meta de gols em 2009: 30. Até aqui, em 31 jogos, ele balançou as redes 19 vezes, média de 0,61 por partida.

- Estou longe da meta de gols que projetei no início do ano, mas eu também fiquei dois meses parado. Espero poder jogar esses oito jogos que faltam para entrar no ritmo e fazer mais alguns gols ? opinou o camisa 9 do Timão.

Depois que estreou contra o Itumbiara, no dia 4 de março, Ronaldo teve dez paradas. Algumas por lesões, outras apenas por opção do treinador em deixá-lo treinando fisicamente e uma por suspensão, na última rodada. Mano Menezes, porém, não pretende mais ficar sem o atacante nesta reta final. Melhor para o Corinthians.

- A situação favorece muito para que ele jogue todas as partidas, porque daqui para frente vamos ter apenas o jogo contra o Vitória no meio da semana. O restante será sempre aos fins de semana. Isso aumenta muita a chance de utilizarmos o Ronaldo em todos os jogos, com um rendimento bom e um risco baixo ? analisou o treinador.

Dos 64 jogos do Timão na temporada até aqui, Ronaldo participou de 31 e ficou fora dos outros 33. Com ele, o Corinthians tem 62,3% de aproveitamento (16 vitórias, dez empates e cinco derrotas. Sem o craque, o Alvinegro tem rendimento mais baixo, de 55,5% (são 14 triunfos, 13 igualdades e seis tropeços).

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com