Santo André arranca empate do Barueri

Equipe do ABC paulista teve gol mal anulado no primeiro tempo, no entanto encontrou forças para igualar o marcador na reta final do jogo

O duelo paulista da rodada, entre Santo André e Barueri, terminou com um empate por 1 a 1 na noite deste sábado, no estádio Bruno José Daniel, no ABC paulista. Para os donos da casa, a igualdade teve um gosto amargo, já que no primeiro tempo, quando ainda perdia por 1 a 0, teve um gol mal anulado pelo árbitro Paulo Cesar de Oliveira (veja o lance no vídeo ao lado).

A trapalhada da arbitragem ocorreu no final do primeiro tempo, logo depois do gol do Barueri, anotado por Val Baiano. No lance, foi marcado impedimento que não existiu, porque Éder dava condições. O gol de empate do Santo André, aquele que realmente foi validado, saiu apenas aos 36 minutos do segundo tempo, com o zagueiro Marcel.

O resultado fez com que o Barueri, até então no G-4, caísse para a quinta colocação, com 14 pontos. Tudo por conta da vitória do Flamengo sobre o Vitória, no Rio de Janeiro. O Santo André, por sua vez, foi a 11 pontos, subiu para décimo, mas ainda pode perder posições com o complemento da rodada neste domingo.

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Santo André viaja ao Rio de Janeiro para encarar o Fluminense, no estádio do Maracanã, domingo, às 18h30m. O Barueri, por sua vez, tem um desafio diante do Coritiba, em casa, no sábado, também às 18h30m.

Três gols, mas só um validado

Santo André e Barueri deixaram claro nos primeiros toques de bola que se estudariam antes de adotar algum tipo de postura na partida desta noite. Mesmo assim, a equipe visitante conseguiu chegar com perigo logo aos 3 minutos. Fernandinho recebeu bom passe na esquerda, avançou para a grande área e chutou cruzado para fora.

A resposta dos donos da casa veio em seguida. Aos 5 minutos, Marcelinho Carioca fez belo lançamento para área. O atacante Nunes subiu bem para cabecear, mas cometeu falta, anotada pelo árbitro. O jogo voltou a ter uma chance de gols apenas aos 11. E foi do Barueri. João Vitor cruzou da direita, e Márcio Careca chutou na rede pelo lado de fora.

O primeiro gol do jogo saiu aos 18 minutos, mas foi anulado corretamente pelo árbitro Paulo Cesar de Oliveira. Após cruzamento de Márcio Careca da esquerda, o atacante Val Baiano marcou com a mão e levou cartão amarelo. Sem se intimidar com o melhor momento do adversário, o Santo André chegou com perigo aos 23 minutos.

Em excelente cobrança de falta, Marcelinho Carioca obrigou o goleiro Renê a fazer bela defesa no seu ângulo esquerdo. Também de falta, o Barueri teve uma chance aos 35. Só que Val Baiano bateu forte demais na bola e mandou longe do gol. A equipe visitante, porém, estava melhor. E conseguiu abrir o marcador, agora com gol válido, aos 40 minutos.

João Vitor deu excelente lançamento para Everton na grande área. O meia dominou e ao tentar driblar o goleiro Neneca foi derrubado. Pênalti! Na cobrança, Val Baiano marcou. O Santo André ainda conseguiu achar espaços para chegar ao empate, mas foi prejudicado por uma marcação errada da arbitragem aos 43 minutos.

Marcelinho Carioca cruzou da esquerda, Nunes cabeceou e Ricardo Conceição completou da pequena área. O árbitro, então, assinalou impedimento. Só que Eder dava condição.

Empate amargo

Foi do Barueri o primeiro bom momento. Logo aos 30 segundos. Após passe de Val Baiano, o atacante Fernandinho ficou cara a cara com Neneca, mas chutou em cima do goleiro. Em desvantagem e com um gol mal anulado na conta, o Santo André foi para cima. Faltou pouco, aliás, para o empate sair aos 3 minutos. Marcelinho Carioca entrou em velocidade na área, após ótimo passe, e cruzou para Nunes. O chute do atacante passou perto da trave.

Aos poucos, o jogo ficou mais aberto para os dois lados. Mas o clube visitante, assim como no primeiro tempo, se apresentava melhor. Aos 8, por sinal, teve boa chance em chute de longe do meia Everton. No minuto seguinte, nova chance para o Barueri. Fernandinho fez jogada individual pela esquerda e chutou cruzado, assustando Neneca.

Outra oportunidade para o Santo André apenas aos 14 minutos. Como se fosse lateral, Marcelinho Carioca avançou pela direita e cruzou para Elvis arrematar de primeira, mandando para fora. Aos 17 minutos, uma cena lamentável: em disputa de bola na lateral, Marcelinho pisou propositadamente em Fernandinho. O juiz nada marcou.

Aos 24 minutos, o Barueri perdeu uma excelente oportunidade de aumentar a vantagem. Ralf avançou em velocidade pelo meio e rolou para Val Baiano. O atacante, livre de marcação e na cara do gol, chutou mal e facilitou a defesa do goleiro Neneca. Melhor em campo, os visitantes tiveram outra chance aos 30. Mas Fernandinho mandou para fora.

O Santo André demorou a ter nova jogada perigosa, mas quando achou espaço chegou ao gol de empate. Aos 36 minutos, após cruzamento de Elvis, Antonio Flávio desviou de cabeça para o meio da pequena área e o zagueiro Marcel completou para o gol: 1 a 1. A equipe da casa ainda tentou uma pressão nos minutos finais, mas não conseguiu a virada.

Fonte: g1, www.g1.com.br