Santos vence o Atlético-MG por 2 a 0 na Vila

Ainda com uma partida a menos, o Santos está em sexto no Campeonato Brasileiro, com 21 pontos

Em seu primeiro jogo após confirmar a permanência no Santos, Neymar comandou sua equipe na vitória sobre o Atlético-MG. Com um gol e uma assistência, o garoto garantiu o resultado por 2 a 0 na Vila Belmiro neste sábado e manteve a equipe de Vanderlei Luxemburgo na zona do rebaixamento.

Ainda com uma partida a menos, o Santos está em sexto no Campeonato Brasileiro, com 21 pontos, enquanto os mineiros estão na 18ª colocação, com 13 pontos. De quebra, o Atlético-MG torna-se a equipe com mais derrotas no torneio, dez, uma vez que o Atlético-GO ficou no empate com o Internacional.

A partida começou movimentada na Vila. Os dois times desde o começo procuravam tocar a bola e buscavam o gol. Com um time mais leve, o Santos iniciava suas jogadas pelos pés de Paulo Henrique Ganso. Aos 10min, foi dele um belo cruzamento que chegou até a cabeça do garoto Zezinho, que obrigou o goleiro Aranha a fazer bela defesa para evitar que o time da casa abrisse o placar.

O time de Dorival Junior se arriscou mais nas bolas aéreas para o centroavante Marcel. Já Neymar sofria com as pancadas que tomava dos zagueiros atleticanos, que não davam tempo e espaço para o garoto jogar.

Já o Atlético-MG levou perigo ao gol santista principalmente nas investidas da dupla de atacantes, Neto Berola e Diego Tardelli. A chance de ouro do time de Luxemburgo apareceu aos 44min, quando Tardelli acertou belo passe para Berola, que ficou cara a cara com o goleiro Rafael, que saiu rápido do gol e não deixou o zero sair do placar na primeira etapa.

Na saída para o intervalo, o atacante Neymar foi novamente saudado pela torcida pela atitude de ter continuado no clube. Na volta para a segunda etapa, o treinador santista resolveu finalmente lançar o atacante Keirrison no time, no lugar de Marcel.

Com a entrada no novo centroavante, o Santos mudou o estilo de jogo e passou a jogar mais rápido. Aos 12min, Zezinho se lançou pela ponta esquerda e tentou cruzar para a área, mas a bola desviou na mão de Werley e Heber Roberto Lopes marcou pênalti. Sem paradinha nem cavadinha, Neymar bateu firme na direita do goleiro Aranha, para abrir o placar na Vila Belmiro aos 13min da segunda etapa.

Luxemburgo resolveu então mexer no time atleticano, colocando Rafael Cruz e Mendez, mas quem continuava levando perigo era Diego Tardelli. Aos 19min, ele quase empatou o jogo ao invadir a área e chutar cruzado, e a bola passou raspando à trave do goleiro Rafael.

Sem sentir o gol que levou, o Atlético-MG continuava pressionando. Aos 27min, Diego Souza acertou uma linda bicicleta dentro da área, mas a bola desviou na zaga e saiu em escanteio. No mesmo minuto, Lima recebeu um cruzamento na área e cabeceou para o gol, e o goleiro Rafael no reflexo salvou de novo o time da baixada.

A pressão atleticana aumentava, e os espaços para os contra-ataques santistas também. E foi assim, num lance rápido, em que Neymar acertou um passe para Danilo sair na cara de Aranha e tocar no cantinho, selando a vitória do Santos na Vila.



Fonte: Terra, www.terra.com.br