Santos derruba o Flamengo com gol de Robinho no Maracanã lotado

Santos derruba o Flamengo com gol de Robinho no Maracanã lotado

O resultado fezo Santos subir aos 39 pontos, mas seguir na oitava colocação do Campeonato Brasileiro – a quatro tentos do G-4

Quase 44 mil pessoas foram ao Maracanã neste sábado para ver o Flamengo voltar a vencer no Campeonato Brasileiro após quatro rodadas. Todas elas, porém, saíram decepcionadas com o que viram. Após atuação fraca e pouco inspirada dos comandados de Vanderlei Luxemburgo, o time carioca sofreu na pele o que é enfrentar um craque e caiu por 1 a 0 para o Santos após belo gol de Robinho.

O resultado fez a equipe paulista subir aos 39 pontos, mas seguir na oitava colocação do Campeonato Brasileiro – a quatro tentos do G-4. Já o Flamengo amargou a quinta partida sem vitórias e estacionou na 12ª posição com 31 pontos - a quatro da zona de rebaixamento. Os dois times voltam a campo no próximo meio de semana. Na quarta, às 22h (de Brasília), o Flamengo visita o Figueirense em Florianópolis, enquanto, no dia seguinte, o Santos recebe o Bahia, às 19h30, na Vila Belmiro.

O Flamengo começou a partida com mais ímpeto ofensivo, mas esbarrando na própria qualidade quando tinha a bola nos pés. Por outro lado, sem compactação, sofria defensivamente. Assim, após uma sequência de investidas alvinegras, Robinho abriu o placar para o Santos aos 24min do primeiro tempo. E em grande estilo. Geuvânio aplicou lindo drible em João Paulo pela ponta direita e só rolou para o camisa 7 bater firme para o fundo das redes.

O gol abalou a equipe rubro-negra, que passou a errar ainda mais passes na parte final da primeira etapa. O time comandado por Vanderlei Luxemburgo seguia controlando a pose de bola (cerca de 60% contra 40%), mas sofria com a desorganização e a falta de volume de jogo. Geuvânio, em finalização de fora da área, quase ampliou o placar para o Santos ainda antes do intervalo.

No segundo tempo, a tônica seguiu idêntica: Flamengo com a bola, mas sem saber o que fazer com ela. A marcação do Santos estava muito bem encaixada. Assim, restou a Vanderlei Luxemburgo fazer duas mudanças de uma vez só: sacou Gabriel e Victor Cáceres, e colocou Eduardo da Silva e Luiz Antonio, respectivamente. O time melhorou, passou a pressionar e por pouco não empatou o confronto aos 30min.

Primeiro, Chicão cobrou falta com categoria, e Vladimir fez linda defesa rente à trave direita. Depois, João Paulo bateu de primeira de fora da área e mandou por cima da meta alvinegra. Os lances foram os únicos perigosos da segunda etapa, que só confirmou a decepção dos quase 44 mil rubro-negros que foram ao Maracanã ver o Flamengo se reerguer na competição nacional, mas saíram de lá ainda mais tristes.






 

 

Fonte: Terra