Santos vai lucrar R$ 2,64 milhões com as transferências de Diego e Robinho

Santos vai lucrar R$ 2,64 milhões com as transferências de Diego e Robinho

Desde que deixou a Vila, dupla já rendeu cerca de R$ 10 milhões ao clube

Bendito mecanismo de solidariedade. Por causa desse dispositivo da Fifa, que premia os clubes formadores de jogadores, o Santos vai lucrar R$ 2,64 milhões com as vendas de Diego, do Juventus para o Wolfsburg-ALE, e de Robinho, do Manchester City para o Milan. As negociações foram fechadas nos últimos dias da janela internacional de transferências.

O regulamento da Fifa que indeniza clubes formadores determina que dos 12 aos 23 anos o jogador está em fase de formação. Isso quer dizer que os clubes pelos quais o atleta passa quando está dentro dessa faixa etária são indenizados. A porcentagem depende da idade. Dos 12 aos 15 anos, o jogador rende ao formador 0,25% das futuras transferências por ano. Dos 16 aos 23 anos, a parcela é maior: 0,5%. Para exemplificar: Robinho ficou no Santos dos 12 aos 21 anos. Foi vendido para o Milan por R$ 40,32 milhões. O Santos tem direito a 4% desse valor, R$ 1,61 milhões: são quatro vezes 0,25% (dos 12 aos 15 anos) e mais seis vezes 0,5% (dos 16 aos 21 anos).

Já Diego ficou no Santos dos 11 aos 19 anos. Como a regra só vale a partir dos 12 anos, o Peixe tem direito a 3% das transferências de Diego. No caso da última venda, do Juventus para o Wolfsburg, que custou aos alemães R$ 34,7 milhões, o Peixe vai lucrar R$ 1,04 milhões.

A dupla, que fez sucesso na Vila Belmiro entre 2002 e 2003, conquistando o Brasileirão 2002, se desfez no início de 2004, quando Diego foi vendido para o Porto-POR. Tinha 19 anos. Robinho continuou no Peixe até 2005, quando foi negociado com o Real Madrid, aos 21. De lá para cá, os dois jogadores já renderam ao clube cerca de R$ 10 milhões apenas graças ao mecanismo de solidariedade. Diego foi do Porto para o Werder Bremen, depois para o Juventus e, agora, para o Wolfsburg. Já Robinho foi vendido pelo Real Madrid ao Manchester City. Na última terça-feira, acabou comprado pelo Milan.

Fonte: GloboEspote, www.globoesporte.com