São Paulo abusa de perder gols e cede empate à Católica

São Paulo abusa de perder gols e cede empate à Católica

Depois do resultado desta quinta-feira no Chile, o São Paulo retorna a campo já neste final de semana.

O São Paulo deixou Santiago com um bom resultado na disputa por uma vaga à final da Copa Sul-Americana. Na noite desta quinta-feira, a equipe do Morumbi, apesar de acumular um grande número de chances perdidas durante os 90 minutos, especialmente com Osvaldo, ficou no empate por 1 a 1 com a Universidad Católica, fora de casa, e adquiriu uma pequena vantagem no confronto válido pela semifinal da competição continental. Rafael Toloi abriu o placar para o time tricolor; Nicolás Castillo igualou o marcador e diminuiu o prejuízo para os donos da casa.

Embora possa ter deixado a capital chilena com a sensação de frustração, devido ao acúmulo de chances desperdiçadas, o São Paulo carrega consigo uma boa diferença para decidir o confronto no Morumbi. Um empate sem gols classifica o time brasileiro no Morumbi. A Católica, por outro lado, avança apenas se vencer ou conquistar uma igualdade igual ou acima de 2 a 2. Um novo 1 a 1 leva a decisão para os pênaltis.

Depois do resultado desta quinta-feira no Chile, o São Paulo retorna a campo já neste final de semana. No domingo, a partir das 17h (de Brasília), os comandados de Ney Franco encaram a Ponte Preta, em duelo pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo decisivo da volta contra a Universidad Católica, confirmado nesta semana para o Morumbi, está marcado para a próxima quarta-feira, dia 28, às 21h50.

Mesmo atuando fora de casa, o São Paulo controlou grande parte da partida. Com a formação já tradicional com Jadson, Lucas, Osvaldo e Luís Fabiano no setor ofensivo, o time mostrou entrosamento e dominou a Católica. Lucas, inspirado, acabou sendo o grande destaque da equipe, até Ney Franco optar por tirar o camisa 7 para promover a entrada de Paulo Henrique Ganso, que entrou em campo pela segunda vez com a camisa tricolor.

O gol são-paulino foi anotado por Rafael Toloi, ainda aos 22min primeira etapa. Depois de levantamento com categoria de Rhodolfo, o zagueiro subiu de cabeça, sozinho, e balançou as redes chilenas. Tratado como dúvida até a véspera da partida, por ter viajado com dores no tornozelo esquerdo, Toloi marcou pela segunda vez na Sul-Americana - o primeiro saiu na fase anterior, em forte cobrança de falta, na goleada por 5 a 0 sobre a Universidad de Chile, no Pacaembu.

Já o empate chileno ocorreu aos 24min do segundo tempo, depois de Rhodolfo, dono da assistência do gol de Toloi, não conseguir afastar cruzamento rasteiro e permitir que Castillo, à frente da pequena área, chutasse alto para vazar Rogério Ceni. O tento, contudo, não abalou o São Paulo, que se manteve perigoso até o final do jogo e deixou o gramado com a sensação de que poderia estar ainda mais perto da decisão da Sul-Americana.

FICHA TÉCNICA

UNIVERSIDAD CATÓLICA 1 x1 SÃO PAULO

Gols:

UNIVERSIDAD CATÓLICA: Castillo, aos 24min do 2º tempo

SÃO PAULO: Rafael Toloi, aos 22min do 1º tempo

UNIVERSIDAD CATÓLICA: Toselli; Álvarez, Martínez, Andia e Parot; Costa, Silva (Peralta), Sepúlveda (Meneses) e Ríos; Pizarro (Ovelar) e Castillo.

Técnico: Martín Lasarte.

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi (Edson Silva), Rhodolfo e Cortez; Wellington, Denilson e Jadson (Douglas); Lucas (Ganso), Osvaldo e Luis Fabiano.

Técnico: Ney Franco.

Cartões Amarelos

UNIVERSIDAD CATÓLICA: Sepúlveda, Costa e Ríos

SÃO PAULO Luis Fabiano e Rogério Ceni

Árbitro

Omar Ponce (Equador)

Local

Estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago (Chile)

Fonte: Terra