São Paulo bate Figueirense por 2 a 1 e dorme em 2º

São Paulo bate Figueirense por 2 a 1 e dorme em 2º

Cícero, de cabeça, marcou o primeiro para o São Paulo no final do primeiro tempo

A incrível campanha como visitante do São Paulo rendeu mais uma vitória à equipe tricolor neste sábado. Na abertura da 21ª rodada do Campeonato Brasileiro, os comandados do técnico Adilson Batista superaram o Figueirense por 2 a 1 no Estádio Orlando Scarpelli, somaram o sétimo triunfo fora de casa no torneio e subiram provisoriamente para a segunda colocação da tabela.

Cícero, de cabeça, marcou o primeiro para o São Paulo no final do primeiro tempo. Júlio César igualou para os mandantes nos instantes iniciais da etapa final, mas Rivaldo assegurou a vitória tricolor com um belo gol aos 14min. O resultado, aliás, fez com que o time do Morumbi melhorasse ainda mais seu retrospecto como visitante: o aproveitamento é de quase 70%, com sete vitórias e dois empates em 11 jogos.

O São Paulo, que começou a rodada no quinto lugar da tabela, somou mais três pontos e subiu aos 38, pulando temporariamente para a segunda colocação, com dois a menos que o líder Corinthians. Já a equipe catarinense, instável, seguiu com 29 e caiu uma posição neste sábado, para o oitavo lugar.

O Figueirense, porém, começou melhor a partida e levou muito perigo ao gol de Rogério Ceni na primeira hora de jogo. O São Paulo tinha problemas para encaixar a marcação e ainda mostrava uma saída de bola deficiente, o que expunha a meta tricolor ao ataque alvinegro.

A primeira chance de perigo dos visitantes saiu aos 9min, quando Júlio César teve uma excelente chance ao receber livre na área. O atacante do Figueirense, porém, desperdiçou a oportunidade e bateu para fora.

O mesmo Júlio César caprichou mais na pontaria aos 17min, quando a equipe catarinense tirou proveito de uma saída de bola equivocada da defesa são-paulina. Lançado na área, o atacante acertou a trave de Rogério Ceni e Wellington Nem, no rebote, carimbou Xandão.

Só quando melhorou na marcação que o São Paulo conseguiu ter mais tranquilidade defensiva e pôde se arriscar com mais perigo no ataque. Os comandados de Adilson Batista, inclusive, trataram de ir para o intervalo no Orlando Scarpelli com a vantagem no marcador: após cobrança de falta de Carlinhos Paraíba, Cícero desviou na pequena área de cabeça e abriu o marcador, aos 42min.

Na volta para o segundo tempo, Adilson trocou o atacante Henrique pelo meia Rivaldo na tentativa de valorizar a posse de bola, mas acabou sofrendo o empate em poucos instantes. Aos 3min, João Paulo pegou uma sobra na área e chutou firme, no canto esquerdo de Rogério Ceni.

Rivaldo, porém, tratou de garantir a vitória são-paulina aos 14min. O veterano camisa 10 recebeu um belo passe de Casemiro e não hesitou quando ficou cara a cara com Wilson: ameaçou o chute e, com o goleiro caído, tocou por cobertura para marcar o segundo gol tricolor.

O São Paulo volta a campo na quarta-feira no Morumbi, para encarar o Atlético-MG às 16h (de Brasília) naquela que deverá ser a partida de número 1000 de Ceni. Já o Figueirense deixa Florianópolis e parte para o centro do território nacional, onde enfrentará o Atlético-GO no Estádio Serra Dourada, às 21h50 de quarta.

Ficha técnica

FIGUEIRENSE 1 x 2 SÃO PAULO

Gols

FIGUEIRENSE:

João Paulo, aos 3min do 2º tempo

SÃO PAULO:

Cícero, aos 42min do 1º tempo, e Rivaldo, aos 14min do 2º tempo

FIGUEIRENSE: Wilson; Bruno, Edson Silva, João Paulo e Juninho; Ygor, Jônatas, Maicon (Leandro Chaves e depois Somália) e Elias; Wellington Nem (Fernandes) e Júlio César

Treinador: Jorginho

SÃO PAULO: Rogério Ceni; João Filipe, Xandão, Rhodolfo e Henrique Miranda (Luiz Eduardo); Rodrigo Caio, Casemiro, Carlinhos Paraíba e Cícero; Willian José (Bruno) e Henrique (Rivaldo).

Treinador: Adilson Batista

Cartões amarelos

FIGUEIRENSE: Edson Silva, Ygor e Jônatas

SÃO PAULO: Csaemiro e Henrique

Árbitro

Francisco Assis Almeida Filho (CE)

Local

Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)

Fonte: Terra