São Paulo vira contra Ituano, faz 4 gols e mantém liderança do Campeonado Paulista

São Paulo vira contra Ituano, faz 4 gols e mantém liderança do Campeonado Paulista

Foi a nona vitória seguida da equipe tricolor na temporada

Após sofrer dois gols e virar o primeiro tempo sofrendo revés por 2 a 0 para o Ituano, no Estádio Novelli Júnior, em Itu, pela 17ª rodada do Campeonato Paulista, o São Paulo parecia praticamente liquidado na partida. Mas só parecia. A equipe do técnico Emerson Leão acordou, voltou para a etapa final com tudo, virou o jogo e concluiu um espetacular triunfo de virada por 4 a 2, se mantendo na liderança do certame.

Foi a nona vitória seguida da equipe tricolor na temporada, uma sequência de triunfos que dá ao clube do Morumbi cada vez mais o status de favorito para a conquista da competição estadual. A equipe também não perde há 12 jogos, desde que sucumbiu por 1 a 0 no clássico contra o Corinthians, no dia 12 de fevereiro.

Com 40 pontos e no topo do Estadual, São Paulo volta a campo pelo Campeonato Paulista no próximo sábado, quando terá pela frente a sensação do Campeonato Paulista, o Mogi Mirim, na Arena Barueri, às 18h30 (de Brasília). O Ituano, já sem chances de classificação às oitavas de final, por sua vez, irá enfrentar o Mirassol no mesmo dia e horário, também no Novelli Júnior, em Itu.

Primeiro tempo todo do Ituano em Itu

Embalado pela sequência implacável de vitórias conseguida pela equipe nos últimos oito jogos, o São Paulo parecia que ia atropelar o Ituano nos cinco primeiros minutos. Com a posse de bola toda para si, o time do técnico Leão dominava a posse e parecia que era questão de tempo para marcar.

Contudo, foi o Ituano quem surpreendeu a todos e fez o primeiro gol, ainda aos 9min de partida. Em cobrança de falta de Anderson Salles, que arriscou chute de longe e marcou um golaço, o time de Itu fez 1 a 0 e incendiou o Estádio Novelli Júnior, repleto de torcedores tricolores e rubro-negros.

O São Paulo respondeu no minuto seguinte em bola cruzada na área para Lucas que, pressionado pelo zagueiro rival, finalizou por cima e por pouco não deixou tudo igual. Na sequência, Fernandinho invadiu a área pela esquerda, levou a bola para o meio e arrematou em cima da marcação do Ituano.

Com mais posse de bola e segurando o clube de Itu no campo de defesa, o São Paulo penava para ameaçar o gol adversário, mesmo dominando a partida. E, como quem não faz toma, foi da equipe rubro-negra o próximo gol do jogo: com Alex Ferreira, que cruzou na área e viu a bola desviar no zagueiro Rhodolfo e entrar, aos 31min.

São Paulo acorda e consegue virada espetacular

Irritado com a derrota parcial por 2 a 0 que o São Paulo levou para o intervalo, o técnico Emerson Leão resolveu mexer na equipe que voltaria ao segundo tempo. Por isso, tirou o sumido Fabrício e promoveu a entrada do meio-campista Jadson.

E a mudança não demorou para surtir efeito. Após um ataque perigoso do Ituano, que por pouco não fez o terceiro ainda aos 4min de partida, quando Adailton fez boa jgoada pela direita, invadiu a área e obrigou o goleiro Denis a espalmar a bola com tudo na trave, o time tricolor partiu para cima.

Aos 11min, depois de cobrança de escanteio venenosa, Rhodolfo subiu mais que a marcação e cabeceou com firmeza, no canto, descontando o placar. Dois minutos depois, o mesmo zagueiro são-paulino aproveitou cobrança de falta de Jadson na área e efetuou nova cabeçada precisa, empatando o confronto.

Empolgado com o empate instantâneo, o São Paulo acuou o Ituano, que se encolheu no campo de defesa. Aos 22min, Lucas arriscou um lindo chute de fora da área e acertou o ângulo de Roberto, virando o jogo. Pouco depois, Willian José tentou finalização rasteira de longe, e o goleiro Roberto aceitou: 4 a 2.

Ficha técnica

ITUANO 2 x 4 SÃO PAULO

Gols

ITUANO:

Anderson Salles, aos 9min, e Alex Ferreira, aos 31min do primeiro tempo

SÃO PAULO:Rhodolfo, aos 11min e aos 13min, Lucas, aos 22min, e Willian José, aos 30min do segundo tempo

ITUANO: Roberto; Alex Ferreira, Thiago Gomes, Anderson Salles e Victor Hugo; Gustavo, Rodrigo Costa, Bruno Martins e Adailton; Alemão e Thiago Bezerra

Treinador: Roberto Fonseca

SÃO PAULO: Denis; Piris, Rhodolfo, Paulo Miranda e Henrique Miranda; Denilson, Fabrício (Jadson), Cícero e Lucas; Fernandinho e Willian José

Treinador: Émerson Leão

Cartões amarelos

ITUANO: Thiago Gomes, Victor Hugo e Alemão

SÃO PAULO: Fernandinho e Piris

Árbitro

Rodrigo Braghetto

Local

Estádio Novelli Júnior, em Itu

Fonte: Terra