"Sereno", Felipe Melo revela: " Quero me tornar um ídolo"

"Sereno", Felipe Melo revela: " Quero me tornar um ídolo"

Volante afirma que pouco reclama e que faz menos faltas em relação a 2009

Em campo e nas declarações, Felipe Melo deixou a Copa do Mundo para trás. Renovado, ele disse nesta quinta-feira ser um jogador diferente do que o apontado como vilão pela eliminação do Brasil na África do Sul. E prova com a sua mudança de comportamento que está, sim, muito comprometido com o Juventus, clube que veste a camisa já pela segunda temporada. O brasileiro, elogiado pela imprensa italiana, quer mais.

? Quero me tornar um ídolo do Juventus, dessa camisa. Gosto de sair do campo e ver as pessoas me aplaudirem. Gosto de ver as pessoas me pararem e me dizerem boas palavras. Quero me tornar um ídolo desse clube e quero voltar à seleção. E para isso devo ir bem também no clube ? afirmou, em entrevista à Sky Sport.

Apesar de forte personalidade e por vezes intempestivo, Felipe Melo recebeu elogios até de um árbitro italiano, quando chegou a ganhar um cartão amarelo de presente. Evoluiu assim como a Velha Senhora, que já ocupa a quarta posição no Campeonato Italiano, a seis pontos do primeiro colocado Milan. Mas o volante prefere ser realista e não se deixa levar pela empolgação.

? Eu estou mais sereno em relação ao ano passado. Reclamo menos e faço menos faltas. Quando o grupo vai bem, as coisas vão bem. Mas ainda não estamos prontos para vencer o ?scudetto?. Devemos ser realistas e dizer que Milan e Inter estão um pouco à frente. Em fevereiro e março avaliamos se podemos ser campeões ? concluiu.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com