Somos mais unidos do que na época de Senna e Piquet, diz Barrichello

Somos mais unidos do que na época de Senna e Piquet, diz Barrichello

O representante da Williams admitiu que a atual geração é mais unida

Em entrevista à Rádio Jovem Pan, o piloto Rubens Barrichello participou nesta quinta-feira, em Interlagos, de uma entrevista ao lado dos outros quatro representantes brasileiros na temporada 2010 do Mundial de Fórmula 1.

O representante da Williams admitiu que a atual geração é mais unida do que na época de Ayrton Senna e Nelson Piquet, que admitiam publicamente que não eram "melhores amigos".

"A gente sempre soube que o Ayrton e o Nelson não se davam muito bem. Já eu, o Felipe (Massa), o Lucas (di Grassi) e o Bruno (Senna) nos damos super bem", disse Barrichello, acompanhado dos outros brasileiros. "Este mundo é muito solitário. Por isso, essa reuniãozinha social sempre vale a pena".

Em Interlagos, Barrichello é marcado pela falta de sorte, especialmente quando competia pela Ferrari, onde sofreu com pane seca, acidentes e problemas mecânicos. O melhor resultado no GP do Brasil foi o terceiro lugar em 2004.

Em um ano sem vitórias de brasileiros, Barrichello aproveitou para "alfinetar" os críticos. "Aquela pessoa que acha realmente um ano desgraçado é o cara que vai ficar em casa e assistir pela televisão", completou.

Fonte: Terra, www.terra.com.br