Subidas e descidas técnicas marcarão percurso do Picos Pro Race

A prova acontece no próximo dia 19 de outubro e o briefing, entrega de kits será na noite do dia 18.

Neste ultimo final de semana os diretores da Naativa/ Picos Pro Race Daniel Freitas e Roberson Santos, juntamente com o diretor técnico Márcio Braz Filho fizeram todo o levantamento do percurso para a prova deste ano. Serão 2 percursos um com 60km para as categorias que disputam o ranking piauiense e o ranking brasileiro e um percurso reduzido com 28km para os atletas iniciantes da categoria turismo. A premiação em dinheiro para os campeões será de R$ 7.200,00, além de troféus. A prova acontece no próximo dia 19 de outubro e o briefing, entrega de kits será na noite do dia 18.

A tônica da prova será o misto entre terrenos de alta velocidade com trechos técnicos, que exigirá habilidade dos bikers. A prova terá como arena de prova a AABB de Picos, de onde os atletas se deslocarão por dentro da cidade até as obras do Piauí Shopping, onde será dada a largada oficial da especial (trecho cronometrado). Logo na largada os atletas irão pedalar por uma estrada carroçável que fará com que atinjam altas velocidades logo no início, cruzando os povoados Cristovinho e Curralinho 2. Após o km10 entrarão em um trecho de single track, encarando uma subida bem técnica de pedras soltas; após a subida, dividi-se a categoria turismo das demais. As categorias Elite (masculino e feminino), Junior, Sub-23, Sub-30, Máster A-1, A-2, B-1, B-2 e Over-50 seguirão por uma estrada de terra batida que levará novamente a altas velocidades devido algumas boas descidas. Ao chegarem no povoado Coroatá, os atletas entrarão em um vale batizado pela organização de "Campo Minado" com alternância de subidas e descidas até encontrarem a "subida da explosão"; depois um belo passeio por um single track alucinante com alternância de tipos de terreno (pedras, terra batida, areia).

Ao final do single track, mais uma descida técnica até a cidade se Santana do Piauí. Passarão no centro da cidade em direção a serra do tanque e terão uma subida radical com uma distância de 1.200 metros. Já na serra, os atletas rodarão por estradões é single tracks com alguns bancos de areia. Voltando para um estradão darão início à descida do tanque, com 2.7 km de extensão, para chegar no povoado Curralinho1, na qual terão que ter cuidado redobrado, devido à curvas fechadas. Em sequência pegarão um estradão até chegar na PI que liga Picos a Santana do Piauí, é rodarão cerca de três quilômetros no asfalto até voltarem a estradas de chão e paralelepípedos por alguns bairros de Picos até retornarem a AABB e cruzarem a linha de chegada da prova.

Para valorizar ainda mais a presença de atletas do sexo feminino, especialmente as estreantes, a categoria Turismo foi dividida em Masculino e Feminino e, embora não vale pontos no ranking, haverá pódio também para esta categoria. A organização frisa que é preciso cuidado com a alimentação e principalmente hidratação devido às altas temperaturas de Picos nesse Bro-o-Bró. A Naativa, empresa organizadora do evento, oferecerá toda estrutura de segurança para os atletas durante todo o percurso, ambulâncias, equipe médicas, pontos de hidratação e uma equipe do 3º BEC no auxílio de balizamento em cruzamentos de vias de maior fluxo de veículos. A prova conta com seguro para todos os inscritos durante a prova. Inscrições: www.naativapi.com.br

Clique aqui e confira Portal Meio Norte no Facebook



Fonte: Assessoria