Técnico Tata Martino deixa o comando da Seleção Argentina

Técnico ficou insatisfeito com recusa dos clubes nacionais

Mesmo com o respaldo da AFA (Associação de Futebol Argentino), o técnico da seleção Argentina, Tata Martino, pediu demissão do cargo. A decisão foi tomada um mês antes dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e nove dias depois de perder para o Chile, nos pênaltis, na decisão da edição centenária da Copa América.

Segundo o jornal "Clarín", o motivo da saída de Martino não foi a falta de títulos ou resultados. O que explica a renúncia é a recusa dos clubes argentinos a cederem jogadores para as Olimpíadas. Independiente, River Plate e Rosario Central disseram não ao treinador.

De acordo com a imprensa local, apenas 12 jogadores foram confirmados no plantel da Albiceleste até agora.

Tata Martino deixa o comando da Argentina
Tata Martino deixa o comando da Argentina
Fonte: Com informações do Terra