Tévez confirma que vai parar em três ou quatro anos

Tévez confirma que vai parar em três ou quatro anos

Tévez: “Jogarei três ou quatro anos mais”

As últimas declarações de Carlitos Tévez com relação ao futebol tem sido duras. Estafado com todo ambiente que o cerca, o Apache dá cada vez mais mostras que de não deve prosseguir por muito tempo. E, nesta quarta-feira, o jogador voltou a disparar contra tudo.

- O futebol esta interessado no dinheiro. Existem representantes com crianças cada vez mais crianças. Estas coisas não me agradam. Os ?chicos? não tem vontade de ganhar as coisas. Com dois celulares e uma casa, já pensam que ganharam tudo. Eu, de verdade, estou cansado, três ou quatro mais e não quero mais continuar ? declarou o jogador à rádio La Red.

O jogador, ídolo por onde passou, destacou que as pessoas que estão envolvidas com os negócios do futebol criam um clima que acabam tornando insustentável a continuidade de alguns dentro deste meio.

No entanto, engana-se quem pensou que o Apache criticou somente os empresários, sobrou para os jogadores também. Mesmo sem dar nomes, Tévez criticou a postura de alguns atletas que não respeitam os jogadores mais experientes dentro de um time.

- Não estou para brigar com um fedelho que me suje, que venha e me diga algumas coisa dentro do vestiário. Quando eu estava no Boca, se Palermo, Riquelme ou Guillermo falava, eu ouvia. Hoje a educação é outra ? disparou.

Carlitos também destacou que dificilmente volte a atuar no Boca Juniors, clube que o formou, a não ser por um pedido de seu pai.

- Se volto ao Boca é porque meu ?velho? me pede. As pessoas no futebol me cansam, jogarei três ou quatro anos mais na Europa.

Por fim, negou os boatos de que não estava feliz no Manchester City, e ressaltou que se não estive bem, não estaria fazendo o que faz no clube.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com