Thiago Neves "desbanca" Ronaldinho Gaúcho e supera astro

Thiago Neves "desbanca" Ronaldinho Gaúcho e supera astro

Meia é o artilheiro do Flamengo na temporada e tem mais assistências

Contratado para ser coadjuvante de luxo do Flamengo, Thiago Neves tem se destacado por sua eficiência. Formando dupla invicta com o ?protagonista? Ronaldinho Gaúcho, o ex-jogador do Fluminense tem roubado a cena e superado o astro principal do elenco com seus números.

Juntos, ambos já entraram em campo 14 vezes. Nesses confrontos, o Rubro-Negro venceu dez e empatou somente quatro. Especialmente nas últimas partidas, Thiago Neves tem chamado mais a atenção que Ronaldinho, ainda irregular na temporada.

Nestas 14 partidas, ambos anotaram cinco gols. Contudo, Thiago Neves leva enorme vantagem no quesito assistência, especialidade de Ronaldinho. Foram sete contra apenas duas do camisa 10.

A boa fase fez Thiago Neves se tornar o artilheiro da equipe no Carioca e na temporada, com seis gols, já que antes de Ronaldinho estrear, o meia havia entrado em campo por duas vezes e feito um gol, no triunfo por 2 a 1 diante do Vasco, na Taça Guanabara.

Por sinal, é nos clássicos que Thiago Neves tem se destacado mais. Nos quatro em que entrou em campo, o meia marcou três gols, sendo decisivo contra o Vasco, na Taça Guanabara, e diante do Botafogo, na Taça Rio, quando fez os tentos do triunfo por 2 a 0, que classificou a equipe para as semifinais.

Ronaldinho Gaúcho, por sua vez, ainda não marcou contra os principais rivais, tendo passado em branco duas vezes contra o Botafogo e no único Fla-Flu que disputou. Porém, a favor do craque o fato de ter feito, de falta, o gol do título da Taça Guanabara contra o Boavista.

- Estou bem fisicamente e melhorei taticamente. O Ronaldinho também está bem, mas ele não será mais aquele do Barcelona. A idade está pegando, o que é normal. Mas ele decide com passes, chutes e lançamentos longos. É muito importante para o nosso time.

Coincidência ou não, Ronaldinho parou de balançar a rede quando voltou a atuar em sua posição de origem, a meia, deixando a vaga de centroavante para ser preenchida ora por Deivid, ora por Wanderley.

Fonte: R7, www.r7.com