Torcedor invade campo e tira roupa no clássico paulista

Torcedor invade campo e tira roupa no clássico paulista

Árbitro relata invasão no clássico entre Santos e São Paulo

O clássico entre Santos e São Paulo também ficou marcado por uma polêmica: a invasão de campo de um torcedor, que saiu do Setor Visa do estádio, e que ficou nu em campo. Nesta segunda-feira, foi divulgada a súmula com o relato do árbitro Luiz Flávio de Oliveira sobre a invasão do torcedor Ademilson Nobre da Silva.

"Aos 60" de jogo após o gol marcado pela equipe Santos F.C., o torcedor identificado pelo policiamento como sendo Ademilson Nobre da Silva, RG 36259285-5, invadiu o gramado pelo lado oposto ao banco de suplentes, sendo contido e retirado do campo de jogo pelo policiamento. Após o ato, o torcedor identificado foi levado ao distrito policial local, em Santos, onde foi feito um Boletim de Ocorrência. O clube ainda estuda a possibilidade de processá-lo."

"Ele foi identificado e existe a possibilidade de processarmos para que arque com eventuais danos sofridos, como se tivermos que fazer a defesa ou tenhamos algum prejuízo", explicou o advogado do time alvinegro, João Vicente Gazolla.

O Santos pode ser enquadrado no artigo 213 (deixar de tomar providências capazes de prevenir ou reprimir), parágrafo II (invasão de campo ou local da disputa do evento desportivo) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que prevê pena de R$ 100 a R$ 100.000.

"Não temos receio de perder o mando de campo, acho que sequer haverá denúncia por parte do Tribunal", finalizou.

Fonte: Terra