UFC demite lutador Miguel Torres depois de piada sobre estupro no Twitter; pegou mal

UFC demite lutador Miguel Torres depois de piada sobre estupro no Twitter; pegou mal

O lutador de 30 anos é considerado entre os dez melhores do mundo no peso galo

O lutador norte-americano Miguel Torres foi despedido do UFC depois de fazer uma piada sem graça sobre estupro em sua conta no Twitter.

O lutador, de 30 anos, considerado entre os dez melhores do mundo no peso galo, quis brincar com a notícia de que mulheres nos Estados Unidos vêm sendo estupradas em vans sem janelas, que ficaram conhecidas como "rape vans".

- Se uma van sem janelas fosse chamada de "van da surpresa" muitas pessoas não se importariam de dar uma volta nelas. Todo mundo gosta de surpresas.

A piada foi tão mal recebida que o lutador apagou a postagem em seguida, mas respondeu a alguns questionamentos de forma irônica, dizendo que o mundo estava "sensível demais".

Um dos "sensíveis" foi Dana White, o chefão do UFC, que anunciou sua demissão à revista Sports Illutrated.

- Não tem explicação, e o fato de ele achar que isso é uma piada divertida me deixa chocado. Estamos lidando com um cara esperto, que é um dos melhores do mundo hoje, mas ele não está mais com o UFC, eu o demiti.

Torres venceu sua luta no UFC 139, no mês passado, contra Nick Pace, e era considerado um desafiante potencial ao campeão A demissão é vista um recado para outros lutadores que se "excederam" no Twitter nos últimos tempos, como o ex-campeão dos meio-pesados Forrest Griffin, que também fez piadinhas sobre estupro, mas se desculpou.

Fonte: r7