UFC: Tiago Silva fica nu e ainda assim não bate peso na pesagem oficial

Mineiro chora e dispara olhar raivoso contra Mike Pierce em encarada, e sorocabano troca provocações com Beltran. Thiago Silva não bate peso

Apenas uma surpresa desagradável na pesagem do UFC Fight Night no Combate: Maia x Shields, nesta terça-feira: todos os lutadores do card ficaram dentro do limite permitido para suas categorias e confirmaram presença no evento de quarta-feira, menos o peso-meio-pesado brasileiro Thiago Silva, que ficou cerca de 900g acima dos 93,4kg de sua divisão. Ele terá uma hora para perder o peso extra. Os protagonistas do espetáculo, os pesos-meio-médios Demian Maia e Jake Shields, fizeram encarada respeitosa e morna e foram ofuscados pela emoção presente nos brasileiros Rousimar "Toquinho" Palhares e Fábio Maldonado.

Toquinho se emocionou e disparou um olhar cheio de raiva para seu adversário, Mike Pierce, enquanto o "Caipira de Aço" provocou Joey Beltran no palco e chamou a torcida para apoiá-lo.

O UFC Fight Night no Combate: Maia x Shields acontece nesta quarta-feira e tem transmissão ao vivo e na íntegra com exclusividade no Combate, a partir de 18h (horário de Brasília). O Combate.com acompanha em Tempo Real a partir de 17h e exibe em vídeo ao vivo a primeira luta, entre Alan Nuguette e Garett Whiteley.

Os lutadores do card preliminar passaram sem muito alarde pelo palco da pesagem. Todos ficaram dentro dos limites de suas categorias e fizeram encaradas mornas. O clima esquentou quando subiram os lutadores do card principal. O peso-galo TJ Dillashaw, que abre a parte de cima do evento contra o pernambucano Raphael Assunção, ganhou a torcida ao mostrar uma cueca com o desenho da bandeira do Brasil. Porém, no duelo seguinte, a torcida soltou o famoso grito de "Uh, vai morrer!" para o americano Mike Pierce, que criticou seu adversário, Rousimar Toquinho, na semana passada. O brasileiro, que desceu para o peso-meio-médio pela primeira vez, chorou ao subir ao palco e bater o limite da categoria. Na hora da encarada, ele quase encostou o rosto em Pierce e mostrou muita raiva.

Em seguida, o americano de raízes mexicanas Joey Beltran subiu ao palco com uma bandana nas cores da bandeira do México e também ouviu os gritos de "Uh, vai morrer!" Ele incentivou os torcedores a gritarem mais alto, e seu adversário, o sorocabano Fábio Maldonado, gesticulou para a torcida que não deixaria o estrangeiro vencer na quarta-feira. Na encarada, os dois trocaram provocações e sorrisos irônicos, mas se cumprimentaram.

O público calou-se em respeito ao peso-meio-pesado Matt Hamill, que é surdo e não poderia escutar suas provocações. Seu oponente, o brasileiro Thiago Silva, também não deu muitas razões para o público se empolgar: mesmo após ficar completamente nu por trás das toalhas do UFC, ficou acima dos 93,4kg permitidos para sua categoria, com 94,3kg. Se ele não perder o peso extra em até uma hora, terá de ceder 20% de sua bolsa ao adversário.

Tanto no evento principal como no coevento principal, nenhuma surpresa e muito respeito. Erick Silva trajou uma camisa com uma mensagem dedicada a seu filho, Kalléu, e cumprimentou Dong Hyun Kim antes e depois da encarada. Demian Maia e Jake Shields também passaram pela balança sem maiores problemas e se respeitaram no momento de posar juntos para as câmeras.

Mais Combate.com: confira as últimas notícias do mundo do MMA

Confira os pesos registrados pelos lutadores na pesagem desta terça-feira:

CARD PRINCIPAL

Peso-meio-médio (até 77,6kg): Demian Maia (77,6kg) x Jake Shields (77,6kg)

Peso-meio-médio (até 77,6kg): Erick Silva (77,1kg) x Dong Hyun Kim (77,6kg)

Peso-meio-pesado (até 93,4kg): Thiago Silva (94,3kg) x Matt Hamill (93kg)

Peso-meio-pesado (até 93,4kg): Fábio Maldonado (92,5kg) x Joey Beltran (93kg)

Peso-meio-médio (até 77,6kg): Rousimar Toquinho (77,6kg) x Mike Pierce (77,6kg)

Peso-galo (até 61,7kg): Raphael Assunção (61,2kg) x TJ Dillashaw (61,7kg)

CARD PRELIMINAR

Peso-meio-médio (até 77,6kg): Ildemar Marajó (77,6kg) x Igor Araújo (77,6kg)

Peso-meio-médio (até 77,6kg): Yan Cabral (77,1kg) x David Mitchell (77,6kg)

Peso-mosca (até 57,2kg): Iliarde Santos (57,2kg) x Chris Cariaso (56,7kg)

Peso-leve (até 70,8kg): Alan Nuguette (70,3kg) x Garett Whiteley (70,8kg)

Fonte: G1