Valorizado, Rodrigo Caio é assediado e pode não ficar no São Paulo

Jogador foi um dos destaques do Brasil na Olímpiada

Rodrigo Caio voltou da Olímpiada valorizado – além da medalha de ouro, foi convocado por Tite para a seleção principal. Na mira de Sevilla, Milan e Lazio, o zagueiro afirmou nesta segunda-feira que está focado no São Paulo, mas ao mesmo tempo não tem a certeza da permanência.

"Tenho contrato até 2018, sempre deixei claro o objetivo de jogar na Europa, mas não tem nada certo ainda. Será uma decisão em conjunto com o São Paulo e o melhor para as duas partes vai acontecer. Se Deus permitir, acontecerá. Enquanto isso, sigo com a cabeça aqui e pensando em cumprir meu contrato", afirmou o zagueiro, que garantiu que estar aberto tanto a sair quanto a permanecer. " Acredito que desde quando eu subi da base, tive um crescimento muito grande, um sonho de jogar no São Paulo, me formar como um grande jogador. É complicado falar sobre o futuro, mas eu acredito que Deus planeja coisas boas para mim. É um momento especial para mim, pela conquista olímpica, pela convocação, e se for para eu sair, sairei de cabeça erguida. Se eu ficar, ficarei com um orgulho muito grande em vestir essa camisa", disse o jogador.

Zagueiro Rodrigo Caio (Crédito: Divulgação)
Zagueiro Rodrigo Caio (Crédito: Divulgação)
Fonte: Uol