‘Vamos machucar’, brinca Joel sobre possível jogo contra Vasco

Segurança do aeroporto do Galeão, Adilson não estava preocupado com a retranca de Joel nem com o empate diante do Lanús.


?Vamos machucar eles?, brinca Joel após torcedor pedir Flamengo e Vasco na semi

Segurança do aeroporto do Galeão, Adilson não estava preocupado com a retranca de Joel nem com o empate diante do Lanús. Na chegada do time ao Rio, ele parou o técnico, pedindo ao pé do ouvido para o Flamengo ficar em segundo no Grupo A da Taça Guanabara, para pegar o Vasco em uma eventual semifinal.

"Ah, você quer machucar eles? Então vamos machucar", brincou o técnico, respondendo com simpatia ao pedido do rubro-negro.

Para a tarefa ser cumprida, o Flamengo precisa vencer o Resende e torcer para o Botafogo, que será primeiro se vencer o Macaé. O Vasco é o primeiro colocado do Grupo B independentemente dos resultados.

Joel Santana mostrou que seu carisma permanece intacto ao chegar ao Rio. A pedidos, tirou foto com alguns garotos que trabalhavam no aeroporto, mas saiu pela tangente quando lhe pediram dinheiro para comer.

- Se eu tivesse, eu dava.

Sobrou para Botinelli

Depois de responder ainda na Argentina a várias perguntas sobre a retranca contra o Lanús, Joel falou novamente ao chegar ao Rio, e resumiu em um lance porque a vitória não veio.

? Faltou o Botinelli acertar o gol ? disse, comentando o lance desperdiçado pelo argentino no fim do segundo tempo, quando jogo já estava 1 a 1.

Na Argentina, ao comentar o lance, Joel deu uma declaração curiosa explicando a entrada de Maldonado no time titular.

? Maldonado é um jogador experiente, que fala a língua do caras, tem que ter um jogador que fala a língua ? disse, sobre o espanhol.

Felipe contraria tese de Joel

Porém, na hora de conversar com o juiz Roberto Silvera sobre o isqueiro que o atingiu, o goleiro Felipe falou português alto e claro, e disse que foi entendido.

? Ele falou que era para eu esquecer. Eu queria dar o isqueiro para ele. Falei português, ele entendeu muito bem e deu pra entender o que ele falou ? afirmou o goleiro, que foi alvo também de bolas de golfe.

Sobre o esquema tático do time, Felipe passou de alvo a flecha, e lamentou que a equipe só tenha acordado quando sofreu o gol.

? Não precisaria tomar gol para jogar daquela forma. Fica o gostinho chato.

Fonte: Extra, extra.globo.com