Vasco tropeça e perde chance de assumir liderança

Vasco tropeça e perde chance de assumir liderança

Com a derrota, o Vasco permaneceu com 38 pontos, dois atrás do líder Corinthians

O Vasco perdeu para o América-MG por 4 a 1 e desperdiçou a chance de chegar à liderança do Campeonato Brasileiro. O América-MG saiu na frente com gol de André Dias, aos 19min. O Vasco chegou ao empate logo depois, com Juninho Pernambucano em cobrança de falta, mas a equipe da casa voltou a ficar na frente no fim do primeiro tempo, com Kempes, em cobrança de pênalti. No segundo tempo, a equipe mineira aproveitou os contra-ataques para marcar o terceiro com Marcos Rocha, aos 13min, e definir placar com André Dias, aos 40min.

Com a derrota, o Vasco permaneceu com 38 pontos, dois atrás do líder Corinthians. Já o América-MG chegou a 17 pontos, mas permaneceu na lanterna do campeonato. Na próxima rodada, a equipe carioca recebe o Coritiba, na quinta-feira, em São Januário. Os mineiros vão ao Beira-Rio para enfrentar o Internacional, na quarta-feira.

O jogo

Precisando do resultado para tentar chegar à liderança do Campeonato Brasileiro, o Vasco partiu para cima logo nos primeiros momentos da partida. Aos 2min, Diego Souza recebeu lançamento de Juninho Pernambucano dentro da área do América-MG e bateu cruzado. A bola passou rente à trave esquerda do gol de Neneca, assustando a torcida mineira.

O domínio do Vasco continuou até os 10min do primeiro tempo, quando o América conseguiu controlar mais a posse de bola e começou a ameaçar o gol de Fernando Prass.

A melhora do América-MG na partida ficou evidente aos 19min, quando os donos da casa abriram o placar. Após cruzamento de Marcos Rocha, André Dias entrou por trás da defesa do Vasco e tocou livre para as redes, colocando o América-MG na frente.

Mas a alegria da torcida mineira durou pouco. No minuto seguinte, Diego Souza foi chutado pelo zagueiro do América-MG em cima da linha da grande área. O meia pediu pênalti, mas o árbitro Sandro Meira Ricci deu falta fora da área. Mesmo sem a penalidade máxima, Juninho Pernambucano cobrou a falta com perfeição e empatou a partida aos 21min.

Aos 36min, o América-MG voltou a ameaçar o Vasco. Marcos Rocha bateu forte de fora da área, Fernando Prass não segurou e a bola ficou viva dentro da área, mas Renato Silva tirou para escanteio.

Quando parecia que a partida iria para o intervalo empatada, aos 41min, Kempes cruzou para André Dias dentro da área, o lateral direito Fagner deu um tranco nas costas do atacante pouco antes dele encostar na bola e o juiz marcou pênalti. Na cobrança, Kempes bateu no meio do gol, mas Fernando Prass pulou para o canto esquerdo e o América-MG voltou a ficar na frente no placar.

No segundo tempo, o Vasco voltou a campo pressionando, mas dando espaço para os contra ataques do América-MG. E foi em um deles que o time da casa chegou ao terceiro gol. Kempes recebeu no meio e deu bom passe para Marcos Rocha dentro da área do Vasco. O meia, com muita tranquilidade, tocou por cima de Fernando Prass e marcou um golaço.

O Vasco ainda tentou pressionar para buscar pelo menos o empate, mas o América-MG conseguiu se defender bem e chegar ao quarto gol. Aos 40min, Léo escorou na entrada da área para André Dias bater com categoria no canto direito do gol de Fernando Prass, acabando com qualquer esperança do torcedor vascaíno.

Ficha técnica

AMÉRICA-MG 4x 1 VASCO

Gols

AMÉRICA-MG:

André Dias, aos 19min, Kempes, aos 42min do 1º tempo, Marcos Rocha, aos 13min, e André Dias, aos 40min do 2º tempo

VASCO:

Juninho, aos 21min do 1º tempo

AMÉRICA-MG: Neneca; Otávio, Micão e Willian Rocha; Marcos Rocha, Dudu (Leandro Ferreira), Amaral, Ulisses e Gilson; Kempes (Léo) e André Dias

Treinador: Givanildo Oliveira

VASCO: Fernando Prass; Fagner, Victor Ramos, Renato Silva e Márcio Careca; Rômulo, Eduardo Costa, Juninho (Fellipe Bastos) e Diego Souza (Bernardo); Eder Luís e Elton (Leandro)

Treinador: Cristóvão Borges

Cartões amarelos

AMÉRICA-MG: Marcos Rocha e Dudu

VASCO: Renato Silva

Árbitro

Sandro Meira Ricci (DF)

Local

Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG)

Fonte: Terra