"Vingança" de R49 move sonho de título do Galo contra o Flamengo

"Vingança" de R49 move sonho de título do Galo contra o Flamengo

Rivais se enfrentam nesta quarta-feira (31), às 22h, no estádio Independência

A ameaça do rebaixamento já foi maior, mas, nem por isso, o Flamengo pode relaxar. Muito menos o Atlético-MG, que tenta manter vivo o sonho de ser campeão do Brasileiro. Em meio aos objetivos distintos, os clubes, que se enfrentam nesta quarta-feira (31), às 22h, no Independência, em Belo Horizonte, ?jogam? pela alegria ou tristeza de Ronaldinho Gaúcho.

O astro já protagonizou o primeiro duelo entre ambos, no mês passado, no Rio de Janeiro. Odiado pelos rubro-negros, seu ex-clube, foi alvo de xingamentos e provocações vindas das arquibancadas e, em campo, perdeu por 2 a 1.

Agora, terá a torcida do Galo, que deve lotar o estádio, a seu favor. Durante a semana, convocou o torcedor para encher o palco e empurrar o time, que tem 63 pontos, nove a menos do Fluminense, líder isolado e com um jogo a mais.

- Aumentou nossa obrigação de fazer o dever de casa. Precisamos ganhar do Flamengo e contamos com a massa pra isso.

Do lado flamenguista, a luta é para se afastar de vez da zona do rebaixamento. Com 40 pontos, o time é o 14º colocado e está a sete do 17º posicionado. Se vencer, abrirá folgada distância e, de quebra, ajudará o rival Fluminense a se aproximar do título.

- Não temos nada a ver com o Fluminense. Vamos fazer a nossa parte. Eles já estão com uma boa distância e, se forem campeões, será merecido. É bom que o título fica no Rio e abrilhanta ainda mais nosso futebol.

As palavras acima foram e Vagner Love, confirmado na equipe ao lado de Liedson no ataque. No meio-campo, os desfalques são Cáceres e Leonardo Moura, ambos vetados com dores musculares.

No Galo, o time é praticamente o mesmo que venceu o Fluminense por 3 a 2 na última rodada. O desfalque é Junior Cesar, suspenso, que dará lugar a Richarlyson.

Fonte: r7