Volante brasileiro poderá defender a seleção da Itália

Volante brasileiro poderá defender a seleção da Itália

Volante atuou pela Seleção sub-23 em torneio profissional, o que gerou uma interpretação dupla

O volante brasileiro Thiago Motta, do Internazionale, aguarda uma decisão da Fifa sobre a possibilidade de defender a seleção da Itália. O jogador, que tem passaporte italiano, já atuou pelo Seleçao Brasileira sub-23 e, por determinação da entidade, não poderia jogar por outro país.

A questão é que a Fifa permite que um jogador atue pelas seleções de base por um país e depois seja convocado por outra seleção para o time principal, como é o caso da sub-23. O que pode atrapalhar Thiago Motta, é que ele disputou a Copa Ouro, em 2003, que é considerada um tornieo profissional.

A Federazione Italiana Gioco Calcio (FIGC) entrou com um pedido na Fifa para que o caso seja avaliado. A CBF também deve ser ouvida, mas segundo o jornal italiano "Gazzetta dello Sport", a entidade brasileira deve ser contrária.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com