Superliga de vôlei tem encontro da "miss simpatia" com musa do vôlei

Pela beleza e qualidades técnicas, Mari Paraíba e Karine Guerra são atrações da partida. Praia Clube e Minas se enfrentam em Uberlândia nesta sexta-feira, às 21h30

O clássico mineiro entre Praia Clube, líder da Superliga Feminina, e Minas chama atenção por si só. Desta vez, no entanto, o confronto pela 2ª rodada da competição terá mais um atrativo. Do lado do time de Uberlândia, Karine Guerra, a "miss simpatia" do grupo. Do outro, a musa do Minas e do vôlei, Mari Paraíba. Tecnicamente, não há o que questionar das duas atletas. Porém, para quem está na arquibancada, o lado técnico em determinados momentos fica um pouco de lado.

No aquecimento antes dos jogos são notórios os comentários dos torcedores sobre os olhos azuis da praiana. Os traços da morena minastenista são os responsáveis pelos suspiros quase que uníssonos do lado de fora da quadra. No entanto, a partir das 21h30 na Arena Praia, a busca pela vitória vai ser o mais importante. Para Karine, o bonito vai ser a manutenção da invencibilidade contra o time de Belo Horizonte e da ponta da tabela da Superliga Feminina, enquanto para o Minas é se recuperar da derrota em casa para o Pinheiros. A partida terá transmissão do SporTV.

Karine Guerra e Mari Paraíba chegaram em seus respectivos clubes nesta temporada. Enquanto a loira chegou ao Praia Clube a tempo de conquistar o campeonato estadual, Mari Paraíba foi apresentada recentemente em Belo Horizonte, e sabe das dificuldades que terá em Uberlândia nesta noite.

- É um clássico em Minas Gerais. Vai ser um bom jogo. O Praia Clube se reforçou para a temporada. Então vamos ter que jogar com calma, sacar e bloquear bem - analisou.

Quanto ao fato de ser tratada como musa do vôlei brasileiro, Mari Paraíba fica feliz com o posto, mas quer mostrar resultado em quadra.

- Fico feliz que me achem bonita. Quanto aos elogios, eu só agradeço. Meu objetivo mesmo é evoluir com o time, até porque estou me adaptando, entrosando com a equipe. Vamos evoluir juntas durante os jogos. Já joguei aqui e gosto do clube e da cidade.

Do outro lado está Karine Guerra. É difícil tirar o posto de “miss simpatia” - apelido dado pelas próprias colegas de grupo - da levantadora que está sempre sorrindo e aberta para atender a imprensa e principalmente os torcedores do Praia Clube.

- Todo dia me surpreende esse carinho das pessoas. Voltando de São Paulo vim conversando com um torcedor nosso e por causa desse carinho me sinto muito bem. Todos do clube e da cidade foram receptivos, e não tenho motivos para não sorrir.

O que deixa a atleta chateada é não render aquilo que as colegas e comissão técnica esperam nos jogos. Por isso mesmo que os bons amistosos, a conquista do estadual e as vitórias na Superliga, fazem com o que a felicidade tome conta da atleta.

- Na verdade o que me deixa chateada é quando não consigo dar meu máximo e tirar o melhor das minhas companheiras. Isso me tira um pouco da minha alegria. Mas voltar ao Brasil estar em um clube igual ao Praia Clube, não tem como ficar triste. Meu marido até me perguntou, o que está acontecendo que estou tão feliz em Uberlândia.

E quando Minas e Praia se enfrentam, Karine tem motivos de sobra para comemorar. As duas equipes já se enfrentaram em quatro oportunidades e as praianas tem 100% de aproveitamento.

- Espero que continue, estamos treinando para vencer - concluiu.




Clique e curta o Portal Meio Norte no facebook

Fonte: Globo Esporte