Zé Roberto relata racismo e Grêmio pode ser denunciado

Zé Roberto relata caso de racismo no Gre-Nal

O meia atacante colorado Zé Roberto admitiu na manhã desta terça-feira, no Estádio Beira-Rio, que foi vítima de racismo no clássico Gre-Nal do último domingo, disputado no Estádio Olímpico, na final do Campeonato Gaúcho.

"Quando eu estava aquecendo, os torcedores do Grêmio começaram a me chamar de macaco. Segundo alguns companheiros meus, isso é normal no Olímpico. Nunca passei por isso em outros países, é um sentimento nojento", disse o meia atacante colorado Zé Roberto.

Perguntado se pretende formular denúncia relatando o fato, o jogador diz que vai esperar que a Federação Gaúcha de Futebol tome providências sobre o incidente. "Quem tem que tomar atitude é a Federação, atleta só tem que jogar", finalizou Zé Roberto.

O presidente do Inter, Giovani Luiggi, disse que vai conversar com o departamento jurídico do clube para analisar se o Inter vai ou não denunciar o Grêmio.

"Vamos analisar com o departamento jurídico para ver qual o procedimento do Inter neste caso", disse o presidente colorado Giovani Liggi.

O presidente da Federação Gaúcha de Futebol foi procurado pela reportagem do Terra e confirmou que precisa da denúncia para apurar os fatos.

"A Federação tem que receber a denúncia do jogador para poder apurar os fatos, assim que chegar a denúncia nós vamos investigar, sem denúncia não podemos fazer nada", disse Francisco Noveletto.



Fonte: Terra, www.terra.com.br