As primeiras manifestações religiosas

21 de Setembro 2009 as 16:56
Pirâmides do Egito.
Foto: DVG

As primeiras manifestações religiosas surgiram em tempos do homem de Neanderthal. Eram cultos vinculados as práticas arcaicas. A primeira grande religião conhecida foi o culto da Grande Deusa Mãe, predominante na Eurásia até bem avançada a história da civilização. Andando o tempo, com o desenvolvimento da vida na sociedade, surgiram os cultos patriarcais. Também, a medida que as culturas e os ritos locais foram cruzando-se, surgiram mitologias complexas e ciclos épicos.

O desenvolvimento da escritura permitiu o surgimento da vida cultural. Assim, nasceu a literatura. As obras mais antigas conservadas são epopéias. Logo mais tarde, surge a literatura sapiencial. O estudo científico da história é mais tardio, e teve que esperar até os gregos como Heródoto ou Tucídides (século V a.C.) para que que separe-se definitivamente da tradição religiosa e literária.

A primeira grande revolução filosófica aconteceu no século VI a.C., época na que coincidiram, e provavelmente superam de suas respectivas doutrinas, as figuras de Pitágoras de Samos, Tales de Mileto, o Segundo Isaías, Zratustra, Buda, Mahavira e Confúcio. Não são os primeiros em suas respectivas tradições, mas acenderam a um mundo mais "globalizado" que seus precendentes.

A ciência foi monopólio da classe alta, frequentemente dos sacerdotes, e o baixo povo não tinha acesso a ela. Neste tempo fizeram-se as primeiras observações astronômicas, desenvolveu-se a medicina, e a necessidade de medir a terra e chegar a contabilidade comercial e tributária levaram ao desenvolvimento da geometria e a aritmética. Os antigos gregos levaram incluso a desenvolver as bases da Álgebra.

Religiões antigas: Judaísmo, Zoroastrismo, Atonismo, Budismo, Hinduísmo.

Mitologias antigas: Mitologia grega, mitologia babilônica, mitologia egípcia, mitologia chinesa, mitologia japonesa, mitologia asteca, mitologia inca.

Epopéias antigas: Epopéia de Gilgamesh, a Bíblia, a Ilíada, a Odisséia, o Ramayana.

Crescente fértil

Mapa da localização da crescente fértil.A crescente fértil é uma região localizada na Ásia e África, onde se desenvolveu as primeiras civilizações da história. Essa região é um bom lugar para práticas agrícolas. Algumas civilizações como: Antigo Egito, Hebreus, Fenícios, Mesopotâmicos, etc, se desenvolveram na crescente fértil. Os principais rios da crescente fértil são: o rio Eufrates, rio Tigre, rio Nilo, rio Jordão, etc. A cresecente fértil recebeu esse nome devido ao formato da região que se parece a lua crescente. a região cobre uma superfície de cerca de 400 000 a 500 000 km² e é povoada por 40 a 50 milhões de indivíduos. Ela estende-se das planícies aluviais do Nilo, continuando pela margem leste do Mediterrâneo, em torno do norte do deserto sírio e através da Península Arábica e da Mesopotâmia, até o Golfo Pérsico.