Conheça seis atitudes para acabar com o efeito sanfona

Comer de 3 em 3 horas é dica para acabar com o efeito sanfona

A nutricionista Marcelle Cunha, ensina técnicas infalíveis para acabar de vez com o efeito sanfona. Confira:

1. Diga não às loucuras

Dietas restritivas, nunca mais! Ao iniciar uma rotina alimentar restritiva, o corpo, como defesa, estoca a comida escassa ingerida para manter energia no decorrer do dia. “Assim que a mulher interrompe o processo radical, o metabolismo, por hábito, continua a estocar os alimentos. Só que, dessa vez, comerá de tudo e em maior quantidade. Em pouco tempo, não tem jeito, ela engordará novamente”, conta a nutricionista.

2. Relaxe

Você pode até não acreditar, mas o estresse está relacionado ao efeito sanfona do corpo. Isso porque, durante os momentos críticos de ansiedade, é comum a sensação de que só um chocolate será capaz de acalmar nosso coração. “Quando a gente fica estressada, o organismo dispara a produção de cortisol. Este hormônio, em grande quantidade, faz que o apetite aumente. Para piorar, cresce o desejo por doces ou massas brancas”, diz a nutricionista. Então, faça ao longo do dia atividades que deem prazer e ajudem a relaxar.

3. Coma de 3 em 3 horas

Um dos segredos para o sucesso do shape é comer de três em três horas. “Às vezes, a mulher associa permanecer em jejum a emagrecer. Isso é completamente errado. Basta pensar que, ao ficar longos períodos sem comer, você aumenta consideravelmente as chances de exagerar na próxima refeição”, comenta Marcelle. Para não dar chance ao efeito sanfona, faça pequenos lanches durante esse intervalo de tempo.

4. Escolha os alimentos certos

“Em vez da batata normal, dê chance à batata-doce, que é um carboidrato de baixo índice glicêmico”, diz a nutricionista. Isso significa que levará mais tempo para quebrar a glicose e faz que a pessoa se sinta satisfeita por mais tempo. Outra dica é carregar na bolsa um saquinho com oleaginosas. “Elas, de modo geral, apresentam ômega 3, 6 e 9, que colaboram com a saciedade. Na hora que a fome apertar, coma duas castanhas. Isso irá prevenir os deslizes das refeições”, completa.

5. Valorize o prato

A chave para aniquilar o efeito sanfona está em uma palavra: saciedade. Então, sempre que possível, inclua as fibras nas refeições. “Elas funcionam como uma esponja. Assim que chegam ao nosso estômago, incham, ocupando um maior espaço dentro dele”, explica Marcelle. Por isso, adicione chia a sucos e iogurtes, e coma massas integrais. Deste modo, você sente menos fome e, consequentemente, comerá menos.

6. Beba água

Se você acha que para evitar o efeito sanfona precisa ficar só de olho na alimentação, está enganada. Saiba que a água entra na equação e é muito importante para acabar com a sensação de emagrecer e engordar repetidamente. “A água funciona como uma drenagem para o corpo”, a nutricionista ressalta. “Ela ativa o sistema linfático, desintoxica o corpo e elimina as impurezas pela urina. Assim, desinchamos”, completa. Cole na garrafinha de água! Por dia, o ideal é consumir, no mínimo, três litros!


Image title

Fonte: Com informações da UOL