Primeira fase de viaduto será entregue dia 30

Primeira fase de viaduto será entregue dia 30

A obra representa um investimento de R$ 4,5 milhões

Uma obra de R$ 4,5 milhões promete resolver em definitivo um dos maiores problemas de engarrafamentos que eram verificados na zona Sul de Teresina. É o viaduto com rebaixamento no cruzamento das avenidas Barão de Castelo Branco e Higino Cunha, cuja obra está em andamento e sua primeira fase será entregue até o dia 30 deste mês.

Por problemas enfrentados pela Agespisa e pela Eletrobrás para o deslocamento de adutoras e redes de alta tensão, a obra sofreu alguns atrasos, mas volta a entrar em ritmo acelerado. O viaduto, de acordo com o prefeito, representa uma das grandes transformações urbanísticas da cidade no âmbito da mobilidade urbana. "Isso aqui era um caos, e ninguém teve a coragem de enfrentar esse problema. Nós tivemos, e vamos entregar esta gestão que esta obra bastante adiantada, faltando apenas a conclusão", frisa.

Para a efetivação da obra, a Prefeitura de Teresina conta com recursos de emendas parlamentares do senador Ciro Nogueira e da deputada federal Iracema Portella. Em recente visita a Teresina, o ministro do Turismo, Gastão Vieira, dissera que o prefeito Elmano Férrer é um dos grandes parceiros do Governo Federal na elaboração de projetos e execução de obras, muitas em andamento em Teresina e outras já com recursos assegurados para o próximo gestor da Prefeitura dar andamento.

O superintendente de Desenvolvimento Urbano Centro/Norte, Ribamar Bastos, explica que antes da realização da obra, a Prefeitura cuidou em construir vários acessos para não comprometer a mobilidade de trânsito na região. Durante esse período em que o cruzamento permanece interditado, o acesso a órgãos importante situados naquela área também não foi comprometido. Por isso, foram planejadas vias estratégicas que permitem o acesso a órgãos como a Maternidade Dona Evangelina Rosa e o Centro Integrado de Reabilitação (CEIR).

Fonte: Semcom