200 mulheres devem fazer exame de mamografia até sábado em Teresina

200 mulheres devem fazer exame de mamografia até sábado em Teresina

O veículo percorrerá vários municípios piauienses e iniciou os trabalhos em Teresina, onde ficará até sábado (06)

Os profissionais que compõem a Carreta da Mulher já deram início aos atendimentos a mulheres com mais de 40 anos, que precisam realizar exames de prevenção ao câncer.

O veículo percorrerá vários municípios piauienses e iniciou os trabalhos em Teresina, onde ficará até sábado (06). Até lá, a meta é que 200 pessoas realizem o exame de mamografia.

A auxiliar de Serviços Gerais, Maria Alzanir de Carvalho, de 43 anos, conta que fez esse exame pela primeira vez no ano passado, quando foi detectado a presença de nódulos no seio. Depois disso, ela foi instruída a realizá-lo com frequência, para acompanhamento do problema.

"É um transtorno conseguir realizar esse exame pelo SUS. Quando fiz ano passado, precisei dormir no hospital para pegar o encaminhamento. Agora, na carreta, foi bem diferente. Foi tudo rápido, fui encaminhada pelo pessoal do PSF e em pouco tempo fui atendida", disse.

Para ter acesso aos serviços, a mulher deverá ser encaminhada pelo Programa de Saúde da Família (PSF) da sua cidade. Por mês, a Carreta da Mulher terá capacidade de realizar até mil exames. Ao final de um ano, 12 mil mulheres serão beneficiadas com exames gratuitos. O veículo ficará em torno de umas semana em cada município.

Em Teresina, estão sendo atendidas 25 mulheres no turno da manhã e 25 no turno da tarde. Segundo a coordenadora técnica de Radiologia da Carreta da Mulher, Tais Silveira, o resultado dos exames está pronto em 72 horas e será enviado para a Fundação Maria Carvalho Santos, parceira do projeto.

"É a Fundação a responsável por entregar esses resultados aos municípios. No caso de Teresina, eles deixarão no Hospital do bairro onde a carreta ficou instalada", explicou.

A Fundação Maria Carvalho Santos, coordenadora do Outubro Rosa, entidade não governamental que congrega e auxilia mulheres vítimas do câncer de mama, é quem vai gerir os serviços que serão oferecidos pela carreta.

O cronograma de atendimentos para o mês de setembro já foi fechado. Depois de Teresina será a vez de São João do Piauí (8 a 10), Conceição do Canindé (11 a12), Floriano (15 a 19) e Parnaíba (22 a 26).

Clique aqui e curta a página do meionorte.com no facebook

Fonte: Pollyana Carvalho