Acidente com Van: chefe da Strans acredita em fatalidade

Acidente com Van: chefe da Strans acredita em fatalidade

A Van estava na sua lotação, com 25 passageiros. Todos tiveram apenas ferimentos leves

O chefe de fiscalização da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito(Strans), de Teresina, Vinícios Rufino, falou ao telejornal Agora, da Rede Meio Norte sobre o acidente da Van, ocorrido na BR-316, na manhã desta quinta-feira, 06, que deixou vários feridos. Ele afirmou que a ocorrência foi estranha, considerando que o veículo estava em boas condições.

?Particularmente esse veículo está em boas condições. Ela é uma Van sem reclamações e não há denúncias sobre ela, o que entendemos que houve uma fatalidade.?

Sobre a possibilidade de cumprimento de horários, ele não descarta a possibilidade do motorista estar recebendo pressões no cumprimento de metas. ?As Vans têm horários a cumprir definidos por Ordem de Serviços, elas têm hora para sair e para chegar ao terminal seguinte. O que pode estar havendo é algum tipo de pressão, nesses casos, a gente apura e toma as providências necessárias?.

As fiscalizações, de acordo com Vinícius Rufino, acontecem dentro da normalidade e em períodos previamente definidos. ?A fiscalização ocorre em períodos predefinidos para verificação de toda a condição de funcionamento do veículo, são observados pneus, motor, assentos, corrimões. Há também a nossa fiscalização de campo, que é feita semanalmente, além da fiscalização itinerante, que atende às denúncias?, completa.

O acidente envolveu três veículos e deixou vários feridos no início da manhã desta quinta-feira, 06, na BR-316, zona Sul de Teresina. Informações apontam que a Van perdeu o controle na chegada da BR. O motorista, que não sabe explicar o que aconteceu, afirma apenas que a pista estava molhada e que colidiu com um carro de passeio arrastando-o até uma concessionária a 50 metros do local.

A Van estava na sua lotação, com 25 passageiros. Todos tiveram apenas ferimentos leves.

Fonte: Denison Duarte