Adolescente sobrevive a cinco horas de voo no trem de pouso de um avião

o jovem saltou uma cerca e subiu no trem de pouso de um avião da Hawaiian Airlines antes da decolagem

Um adolescente americano de 16 anos sobreviveu a mais de cinco horas de voo entre a Califórnia e o Havaí no trem de pouso de um avião comercial, informa o jornal Los Angeles Times.

Segundo imagens das câmeras de segurança, o jovem saltou uma cerca e subiu no trem de pouso de um avião da Hawaiian Airlines antes da decolagem de um aeroporto de San Jose, ao sul de San Francisco.

O jovem foi encontrado com vida na manhã de domingo na pista do aeroporto de Maui, apesar da falta de oxigênio e das temperaturas que "atingiram 60 graus negativos" durante a viagem, afirmou o jornal, que citou o porta-voz do FBI, Tom Simon.

De acordo com Simon, o adolescente, que mora em Santa Clara, Califórnia, certamente "perdeu a consciência aos 10.000 pés" de altura (quase 3.000 metros) e se recuperou uma hora depois do pouso.

"Não sei como sobreviveu. É um milagre", declarou Simon ao LA Times.

O jovem saiu de casa e "nada indica que representasse uma ameaça", segundo o jornal. Depois de ser encontrado, foi submetido a exames médicos no Havaí e transferido às autoridades.

Casos de sobrevivência de passageiros clandestinos escondidos nos trens de pouso de aeronaves são raros em consequência do frio e da falta de oxigênio. Geralmente os passageiros desesperados são imigrantes ilegais.


Missa para Bernardo termina em protesto e vigília em frente à casa de garoto assassinado

Segundo imagens das câmeras de segurança, o jovem saltou uma cerca e subiu no trem de pouso de um avião da Hawaiian Airlines antes da decolagem

Fonte: Yahoo