Agespisa esclarece excesso de cloro em água na capital

Agespisa esclarece excesso de cloro em água na capital

As reclamações foram maiores no último domingo, 1

A população da zona Sul reclamou da quantidade de cloro presente na água durante o final de semana, em Teresina. Moradores da região perceberam que havia algo estranho. Segundo eles, o sabor era ruim pelo excesso de cloro.

As reclamações foram maiores no último domingo, 1. Simão Bolivar, da assessoria técnica da Presidência da Agespisa, explica que o ocorrido é parte do critério de qualidade da água oferecida em Teresina.

?A Agespisa faz uma análise da água fornecida em toda a cidade. Em algumas situações que ela percebe que o cloro não está a contento, ela aumenta um pouco a cloração do líquido?, afirmou o assessor ao garantir que o cloro a mais não faz mal à saúde. ?Para que alguém passe mal com o excesso de cloro, é preciso que ele esteja com uma dosagem muito elevada, em torno de 15 mg por litro, enquanto a Agespisa usa 2 mg por litro. Portanto, isso não tem a menor condição de fazer mal a alguém.?

A quantidade de miligramas que a Agespisa utiliza, segundo ele, é insignificante.

Fonte: Denison Duarte