Aos 71 anos, sanfoneiro Dominguinhos está internado em estado grave em UTI no Recife

Aos 71 anos, sanfoneiro Dominguinhos está internado em estado grave em UTI no Recife

Herdeiro artístico de Luiz Gonzaga, músico luta contra um câncer de pulmão.

O sanfoneiro, cantor e compositor pernambucano Dominguinhos, 71 anos, está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) coronariana do Hospital Santa Joana, no bairro do Derby, área central do Recife. Ele deu entrada na unidade na segunda-feira (17). O artista luta contra um câncer de pulmão.

De acordo com o boletim médico divulgado pela unidade de saúde na manhã desta quinta-feira (20), ele foi "admitido com quadro de infecção respiratória e arritmia cardíaca. Está em tratamento antibioticoterápico e cuidados intensos".

Através da nota do hospital, a família do artista pediu apoio. "Neste momento, a família do artista pede a todos por orações e pensamentos positivos. O apoio do público que sempre admirou e acompanhou o seu trabalho é de grande importância", diz o texto.

Na última quinta-feira (13), Dominguinhos fez show em homenagem ao centenário de Luiz Gonzaga, em Exu, no Sertão pernambucano. Também deu entrevistas e tirou fotos com fãs.

José Domingos de Morais, mais conhecido como Dominguinhos, é natural de Garanhuns, no Agreste de Pernambuco. Conheceu Luiz Gonzaga com oito anos de idade. Aos 13 anos, morando no Rio de Janeiro, ganhou a primeira sanfona do Rei do Baião, que três anos mais tarde o consagrou como herdeiro artístico.

Instrumentista, cantor e compositor, em 2002 ganhou o Grammy Latino com o "CD Chegando de Mansinho". Ao longo da carreira, fez parcerias de sucesso com Gilberto Gil, Chico Buarque, Anastácia, Djavan, entre outros. Atualmente, Dominguinhos é considerado o sanfoneiro mais importante do país.

Fonte: G1