Após ataque de tigre, mãe de menino com braço amputado fala com a imprensa

O menino de 11 anos teve o braço direito amputado depois de ser atacado pelo tigre Hu na tarde de quarta-feira.

Depois de três dias dedicados aos cuidados com o filho, a mãe do menino atacado por um tigre no Zoológico de Cascavel falou com a imprensa pela primeira vez na tarde deste sábado (02). Bastante serena e consciente de tudo que aconteceu, a mãe preferiu não ter a identidade revelada para preservar o filho.

Assim que soube do acidente, ela veio de São Paulo, onde a família mora, para acompanhar o tratamento. O primeiro encontro foi cheio de emoção e carinho.

Por enquanto, mãe e filho ainda não conversaram sobre detalhes do que aconteceu no Zoológico. Ela afirma que o menino gosta muito de animais e não tinha noção do perigo que estava correndo.

O pai do menino, que estava com ele durante o passeio ao Zoológico, está muito abalado e chora bastante ao falar sobre o assunto. Segundo ela, não há mágoas.

O menino de 11 anos teve o braço direito amputado depois de ser atacado pelo tigre Hu na tarde de quarta-feira. Ele se recupera bem, mas ainda há a preocupação para evitar uma possível infecção. Ele deve permanecer internado até a próxima quarta-feira.

 

Fonte: R7