Após perder 80% do cabelo, mulher desabafa no Facebook

Quando já havia perdido cerca de 30% do cabelo, Amanda procurou um especialista e foi diagnosticada com alopécia


Há três anos e meio, a professora do ensino fundamental Amanda Greenough notou que seus cabelos estavam caindo em excesso. "Não era apenas no banho. Era sempre que eu corria os dedos pelos fios, os escovava, prendia ou simplesmente tocava a cabeça", contou a professora. Quando já havia perdido cerca de 30% do cabelo, Amanda procurou um especialista e foi diagnosticada com alopécia, uma doença autoimune que causa a queda dos fios sem razão específica. As informações são do Huffington Post.

Em pouco tempo, Amanda perdeu 80% do cabelo e decidiu usar peruca para esconder o problema. "Quando senti que precisava esconder a queda de cabelo e comprei uma peruca, há cerca de três anos, fiquei devastada e foi difícil lidar com minha nova realidade. Eu tinha vergonha do fato de não ter cabelo, especialmente porque eu não podia explicar de outra forma a não ser 'eu tenho alopécia'", contou.

Logo após o diagnóstico, a professora contou sobre a doença apenas para alguns amigos íntimos, mas, com o tempo, começou a sentir que estava em uma "prisão social" por ter que "se esconder" atrás da condição. Por isso, quando colegas de trabalho elogiaram seu cabelo, a professora admitiu que usava peruca por conta da alopécia. O próximo passo revelar o "segredo" a todos, por meio de seu perfil no Facebook.

"Em vez de ficar ressentida, eu passei a me sentir grata por ainda ter tanta saúde. Quem sou eu para reclamar por não ter cabelo quando existem pessoas que o perdem por algo muito pior, como a quimioterapia. Eu estou tomando os primeiros passos desde que decidi contar meu 'segredo' para mais pessoas", escreveu Amanda. "Ainda estou procurando formas de me sentir mais confiante, mas sou muito grata por minha família, meu namorado e meus amigos próximos me apoiarem e ajudarem durante este estranho processo", concluiu a professora

Fonte: Terra