Após suposta traição, homem tem ataque de fúria

Homem atingiu seis veículos e derrubou um portão de ferro.

Um vidraceiro teve um ataque de fúria e invadiu uma Unidade Básica de Saúde (UBS) com o carro na tarde deste domingo (30), em Monte Aprazível (SP). O motivo do ataque foi uma possível traição do irmão pela cunhada, que trabalha no local.


Após suposta traição, homem tem ataque de fúria

Após suposta traição, homem tem ataque de fúria

Na tentativa de entrar na unidade de saúde, o motorista bateu em outros seis veículos que estavam estacionados, entre eles duas ambulâncias. Depois de bater nos carros, o homem, de 33 anos, derrubou o portão da unidade e por pouco não arrancou a porta de entrada da sala de atendimento de urgências.

Alguns funcionários trabalhavam no local no momento da invasão, mas ninguém se feriu. A confusão chamou a atenção de vizinhos, como a aposentada Maria Eliana, que mora nas proximidades da unidade de saúde.

"Ouvi um forte barulho e fui ver o que tinha acontecido. Ficamos assustados, porque me deparei com o homem no carro com toda a velocidade. Toda a ação do homem vimos de perto?, relata a aposentada.

O carro, que ficou com a frente toda destruída, pertence à empresa em que o homem trabalha. Ele foi preso em flagrante e encaminhado para a delegacia da cidade.

Em depoimento ao delegado Luciano Siqueira Bracci, ele disse que o motivo do ataque seria uma possível traição contra o irmão dele. ?O homem disse no depoimento que tomou conhecimento de que a cunhada dele estaria traindo o irmão. Revoltado, ele resolveu ir ao local onde a mulher trabalha e atingiu a unidade de saúde, os carros, sem pensar em mais nada. Ele foi autuado por danos particulares e ao patrimônio público" , diz o delegado.

O vidraceiro pagou fiança de R$ 1 mil e foi liberado. Ele irá responder o processo em liberdade.

Fonte: G1