Após um mês de internação, Jader Damasceno recebe alta hospitalar

Jader foi o único sobrevivente do acidente

Depois de um mês internado, o jornalista Jader Damasceno, recebeu alta médica neste sábado (30), após ser vitimado em um grave acidente de trânsito, que resultou na morte dos irmãos Francisco das Chagas, o Júnior Araújo e seu irmão Bruno Queiroz, ambos idealizadores do coletivo Salve Rainha. Jader foi o único sobrevivente, além do motorista que causou o acidente, o estudante Moaci Moura.

O jovem, que é natural do município de Oeiras (310 km de Teresina) e deve viajar para a cidade natal na segunda-feira (01º), onde vai passar uma temporada ao lado dos familiares. Em foto publicada nas redes sociais, Jader aparece deixando o hospital ao lado dos pais. O jornalista utilizava um turbante e um terço enrolado ao seu braço. Vale destacar, que o turbante é uma marca registrada do seu amigo, o fotografo Júnior Araújo.

Segundo relato de amigos, o momento foi de extrema felicidade e Jader estava sereno e tranquilo. Em depoimentos deixado em seu perfil, alguns entes queridos relataram que o jovem pediu para avisar a todos que “está bem, a cada dia melhorando, cada dia mais fênix”.

O jornalista ainda precisa passar por alguns exames e realizar sessões de fisioterapia, já que teve fraturas no crânio, perna e lesões por todo corpo. Ele também se recupera de uma cirurgia ortopédica. Jader afirma que vai continuar a contribuir para a promoção e incentivo da cultura popular e alternativa de Teresina.

Jader Damasceno deixa hospital em Teresina ao lado dos pais (Crédito: Reprodução/Facebook)
Jader Damasceno deixa hospital em Teresina ao lado dos pais (Crédito: Reprodução/Facebook)
Fonte: Portal Meio Norte