Aposentada reza por Arruda em frente ao prédio da PF

Maria Dolorosa torce pelo governador afastado porque recebe tratamento contra câncer

Maria Dolorosa Ferreira de Souza, 65 anos, saiu cedo de casa nesta terça-feira (16) para ir até a Superintendência da Polícia Federal (PF), em Brasília, rezar pelo governador afastado do Distrito Federal (DF), José Roberto Arruda, preso desde quinta-feira em uma sala da PF por determinação da Justiça. Ele e outros cinco são acusados de tentar subornar uma testemunha do esquema de propina no DF. Todos negam envolvimento.

- Vim primeiramente agradecer a Deus por estar viva e para rezar pelo governador.

Em tratamento contra um câncer de mama, Maria Dolorosa recebe do governo um remédio de alto custo, e é por isso que ela reza.

- A minha aposentadoria, de um salário mínimo, não daria para comprar o remédio. Recebo o remédio do governo, e como ele é o governador estou rezando por ele. Se eu estivesse recebendo o remédio de outro governador rezaria da mesma forma.

Católica, dona Maria entregou na portaria da PF uma revista do Sagrado Coração de Jesus, que ela espera ser entregue ao governador afastado. A aposentada ficou por quase duas horas em pé na frente da PF, rezou um terço e leu na Bíblia a Oração pelo povo oprimido.

Fonte: R7, www.r7.com