Associação Ambientalista participa de oficinas de comunicação

Serão abordados temas como web jornalismo e redes sociais.

Os jovens da Associação Ambientalistas Morro da Coã (AAMC) participam neste domingo (28), na cidade de Lagoa de São Francisco, norte do Piauí, de oficinas ministradas por estudantes de Comunicação social da Universidade Estadual do Piauí (UESPI). Serão abordados temas como web jornalismo, redes sociais e assessoria de imprensa. A capacitação começa às 8h na sede da obra Kolping no centro da cidade.

Em meio aos avanços tecnológicos, muitos jovens têm usado as redes sociais como uma ferramenta para expor suas ideias. Nesse contexto, a Associação Ambientalista do Morro da Coã foi criada em 2014 por um grupo de jovens estudantes para promover a preservação do meio ambiente. O facebook é o veículo mais utilizado em busca de mais adeptos para a causa. 

Para a estudante Drielly Wanessa, membro da AAMC, as oficinas serão como uma forma de suporte para as ações. “Esse momento vai nos auxiliar muito, já que as redes sociais são uma grande aliada em nossas ações. Será uma forma também de nos auxiliar na divulgação para a população e os demais interessados, para que vejam que nossa associação está lutando pela preservação da natureza e assim trazer mais gente para essa luta”, destacou.

Ohana Luize, estudante de Comunicação Social da UESPI e uma das ministrantes das oficinas, conta que o objetivo principal é orientar sobre o uso das redes sociais como uma forma de atingir um maior número de pessoas. “O objetivo é levar conhecimentos acadêmicos para orientar o projeto da AAMC e do Humanismo Caboclo, projeto da UESPI que também ajuda a associação. Falaremos sobre o uso das ferramentas da web e faremos um treinamento sobre como lidar com a mídia. Queremos contribuir com o desenvolvimento das atividades desses jovens, sabendo que a inserção da academia nas comunidades deve ser um compromisso”, finalizou.

Fonte: Ascom