Atriz pornô aparece desfigurada e diz que lutador usou até faca em agressão

Atriz pornô aparece desfigurada e diz que lutador usou até faca em agressão

A atriz pornô Christy Mack, que teria apanhado de seu namorado, o lutador de MMA Jonathan Koppenhaver, conhecido pelo apelido de War Machine, divulgou nesta segunda-feira imagens de como está no momento. Segundo ela, ao menos 20 ossos em seu rosto estão quebrados, além de mais em outras regiões do corpo; ela também afirmou que o lutador usou até faca para agredi-la. Nas imagens, seu rosto aparece desfigurado, cheio de hematomas e com a boca inchada e com sangue.

Há um grande hematoma também em sua coxa esquerda. As imagens foram feitas em uma cama, aparentemente em um hospital. Junto com as imagens, ela divulgou uma nota. Nela, diz que War Machine chegou em sua casa, em Las Vegas, de surpresa, após ter terminado o relacionamento em maio. Segundo ela, o lutador a encontrou junto com uma outra pessoa, totalmente vestidos e, sem falar nada, começou a bater em seu amigo para, depois, agredi-la.Depois, diz que não sabe quantas vezes foi agredida e conta sobre suas fraturas, incluindo alguns dentes quebrados e fratura na costela.

Também conta sobre como ele a esfaqueou em algumas partes do corpo, como as mãos, e que teve seu cabelo cortado. Também afirma que War Machine a ameaçou de estupro, antes que conseguisse fugir por um gramado atrás de sua casa, nua, até que conseguisse que um vizinho a levasse para um hospital. Por fim, como o lutador está foragido, ela conta que há um recompensa de 10 mil dólares, segundo a polícia, para quem o encontrar. Via Twitter, o lutador se pronunciou também nesta segunda, pedindo desculpas e reforçando tese de que foi traído pela atriz.

"Eu não sou um cara ruim. Eu fui fazer uma surpresa para minha namorada, ajuda-la no show dela, dar a ela um anel de noivado e termino lutando pela minha vida. Eu só queria que aquele homem não estivesse lá. Christy e eu estaríamos noivos e felizes. Eu não sei por que sou tão amaldiçoado. Um dia a verdade vai aparecer. Os policiais nunca vão acreditar em mim. Eu ainda estou decidindo o que fazer", escreveu.

Fonte: Uol