Aulas são retomadas em escola onde suspeito de matar família estudava

A polícia acompanhou o retorno às aulas no colégio

As aulas no colégio no qual estudava Marcelo Eduardo Bovo Pesseghini, 13 anos, apontado como suspeito de ter cometido uma chacina na última semana, na zona norte da capital, foram retomadas na manhã desta segunda-feira. De acordo com a investigação da polícia, o adolescente teria matado o pai, o sargento das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota) Luis Marcelo Pesseghini, 40 anos, a mãe, a cabo da PM Andreia Regina Bovo Pesseghini, 35 anos, a avó Benedita de Oliveira Bovo, 65 anos, e a tia-avó Bernadete Oliveira da Silva, 55 anos.


Aulas são retomadas em escola onde suspeito de matar família estudava

Fonte: Terra