Auxiliar de enfermagem é preso após abusar de paciente internada em UTI

Auxiliar de enfermagem é preso após abusar de paciente internada em UTI

Crime aconteceu durante a madrugada deste sábado (29) em Santos. Homem já tinha passagem pela polícia por estupro.

Um auxiliar de enfermagem foi preso em flagrante por estupro de vulnerável, suspeito de abusar sexualmente de uma paciente de 22 anos, grávida de quatro meses, que está internada na UTI do hospital Guilherme Álvaro em Santos, no litoral de São Paulo. O crime aconteceu na madrugada deste sábado (29).

De acordo com informações do boletim de ocorrência, a vítima teria informado à polícia que o homem, de 47 anos, teria acariciado os seios e levado a mão da jovem ao órgão sexual dele. A jovem que está internada há 12 dias, por problemas pulmonares, contou à família que quando percebeu a ação do homem conseguiu gritar, e uma enfermeira apareceu na sala.

A vítima explicou que conseguiu pegar um celular, deixado pelos familiares com a jovem, e ligou para a família para relatar o que teria acontecido. Já a enfermeira teria feito uma ligação para a polícia. De acordo com informações do boletim de ocorrência, a enfermeira teria afirmado que outras pacientes já haviam feito reclamações do auxiliar de enfermagem. Ainda segundo o boletim, o suspeito tem passagem pela polícia por estupro e atentado violento ao pudor.

Em nota, o Hospital Guilherme Álvaro esclareceu que abriu uma sindicância para apurar o caso e que o auxiliar de enfermagem foi, imediatamente, afastado de suas funções. A nota diz ainda que o hospital está à disposição para quaisquer esclarecimentos das autoridades e da família da paciente.

Fonte: G1