Bebê de nove meses morre em hospital e família acusa erro médico

A mãe, Thays Oliveira, relatou que a enfermeira teria dito que aplicaria um antibiótico

Um bebê de nove meses morreu na terça-feira no Hospital da Criança de Anápolis, em Goiás, após tomar uma injeção. Segundo a família, a criança estava com princípio de pneumonia e foi levada para o hospital, onde foi internada. Um dia depois, quando a menina já apresentava melhora, uma enfermeira aplicou uma injeção na criança, que passou mal e morreu. As informações são do JA 2ª Edição, da TV Anhanguera.

A mãe, Thays Oliveira Souza, relatou que a enfermeira teria dito que aplicaria um antibiótico na criança, mas a família acredita que houve um erro na aplicação. "Acho que foi um medicamento errado. Não tem lógica. A minha filha estava boa, brincando, rindo", disse a mãe da menina. No hospital, não existe Unidade de Terapia Intensiva (UTI), por isso o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) teve de ser acionado. Pacientes contaram quem ligaram inúmeras vezes, mas o socorro só apareceu quase uma hora depois da morte da menina.

Fonte: Terra, www.terra.com.br