Rota de Negócios: Blog vende jazidas no Piauí por US$ 250 milhões

Na oferta de venda, o detentor das licenças para exploração diz estar realizando pesquisas minerais.

As especulações com as reservas minerais do Piauí não têm limites. Um blog na Internet chamado Rota de Negócio (http://rotadenegocios. blogspot.com) está oferecendo nove jazidas de ferro e manganês localizadas no município de São Raimundo Nonato, no Sudeste do Piauí, pela bagatela de U$ 250 milhões.

Na oferta de venda, o detentor das licenças para exploração das reservas de ferro e manganês mostra que desde 1988 está realizando pesquisas minerais no município de São Raimundo Nonato e as três jazidas já liberadas para extração têm reservas de 259.620.000 MT FE (duzentos e cinquenta e nove milhões e seiscentos e vinte mil toneladas de ferro) e 418.000 MT MN (quatrocentos e dezoito mil toneladas de manganês).

O que chama atenção, é que, fora os gastos nas pesquisas nenhum outro investimento foi realizado e as licenças estão passando por um verdadeiro leilão, que neste caso é virtual. As empresas GGES (Geologia Geotecnia Engenharia e Sondagem LTDA), Runge Limited Brazil e o geólogo Paulo Roberto Pizarro Fragomeni, segundo o blog, foram os responsáveis pelas pesquisas na chamada ?Sequência Vulcano-Sedimentar de São Raimundo Nonato ? PI? e segundo os relatórios citados, as reservas de ?Minério Supergênico de Manganês e Ferro? estão localizadas vertente nordeste desta área.

O vendedor das jazidas explica ainda que, ?as reservas consideradas foram aprovadas pelo departamento nacional da produção mineral do ministério de minas e energia do brasil em 21/6/2010.? e acrescenta ?a área total coberta por 04 (quatro) direitos minerais, sendo 03 (três) com relatório final de pesquisa?.

Pra finalizar, o vendedor fala da possibilidade de dobrar as reservas: ?o total de processos da jazida são em torno de 09 (nove) esse volume descrito acima de ferro e manganês no sumário é de 3 processos este volume é 100% garantido, com as outras pesquisas processuais esse número pode até dobrar de ferro e manganês?.

Fonte: João Carvalho