Cadeirantes cobram mais recursos ao Transporte Eficiente no Orçamento

Cadeirantes cobram mais recursos ao Transporte Eficiente no Orçamento

Visando melhorias no Transporte Eficiente, representantes da Associação dos Cadeirantes de Teresina (Ascamte) estiveram reunidos com os vereadores ontem, para tratar do orçamento destinado ao programa

Em debate na Câmara dos Vereadores de Teresina, a proposta orçamentária para o próximo ano deve ser votada no próximo dia 18 de dezembro, desse modo as articulações no que tange aos recursos para cada projeto da Prefeitura continuam a centralizar as atenções.

Visando melhorias no Transporte Eficiente, representantes da Associação dos Cadeirantes de Teresina (Ascamte) estiveram reunidos com os vereadores ontem, para tratar do orçamento destinado ao programa.

O vice-presidente da entidade pediu ajuda aos parlamentares na sensibilização do prefeito Firmino Filho quanto às necessidades das pessoas com deficiência. "Precisamos do aumento da frota e da manutenção dos ônibus já utilizados, mas é preciso o aumento de repasses vindos da Prefeitura", comentou.

Durante o encontro, o vereador Rodrigo Martins (PSB), presidente da casa, assumiu o compromisso de conversar com o líder do Executivo Municipal, contudo propôs que o Transporte Eficiente fosse normatizado, no intuito de otimizá-lo e reduzir os custos. Líder da prefeitura na Câmara, o vereador José Ferreira (PSD) confidenciou que até a próxima segunda (8) terá um posicionamento de Firmino sobre questões orçamentárias.

PROJETO - Por fim, os membros da Ascamte defenderam o projeto de lei de autoria do vereador Antônio Aguiar (PROS), que impõe 2% da frota de táxis adaptadas a pessoas com deficiência. A matéria foi aprovada na Câmara, sendo posteriormente encaminhada ao Executivo, onde deve ser sancionada pelo Prefeito.

Clique e curta Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Francy Teixeira