Cajuína do Piauí terá cetificação

certificação será um reconhecimento às características peculiares da bebida

Até junho deste ano, a cajuína produzida no Piauí deve ganhar a Indicação Geográfica, IG. A certificação será um reconhecimento às características peculiares da bebida que a diferencia das produzidas em outros Estados do país. A qualidade, o aroma, a coloração e a elevada pureza, além do método artesanal de produção garantiram a IG a esse suco de caju clarificado, típico do Piauí. “Levando em consideração a distinção das características da cajuína do Piauí, o Sebrae no Estado, com o apoio do Sebrae Nacional, desenvolveu um projeto de Indicação Geográfica para essa bebida. A intenção é proteger, promover e agregar valor a esse produto tipicamente piauiense”, explica o gerente da Unidade de Atendimento Coletivo Agronegócios do Sebrae no Piauí, Francisco Holanda. A IG vai beneficiar os produtores e as agroindústrias do setor, além de comprovar o vínculo entre a qualidade da cajuína e o território onde ela é produzida, criando uma identidade para essa bebida, que passará a ser mais valorizada tanto a nível nacional, como internacional. Outra vantagem é que a IG beneficiará toda uma região, no caso o Estado do Piauí, não se restringindo apenas a uma propriedade ou produtor de cajuína.

Fonte: Assessoria